X

Olá! Você atingiu o número máximo de leituras de nossas matérias especiais.

Para ganhar 90 dias de acesso gratuito para ler nosso conteúdo premium, basta preencher os campos abaixo.

Já possui conta?

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo

Esportes

Nikola Jokic é o primeiro estrangeiro eleito MVP da temporada regular da NBA por 3 vezes


O sérvio Nikola Jokic, pivô do atual campeão Denver Nuggets, foi anunciado nesta quarta-feira como o Jogador Mais Valioso (MVP) da temporada regular da NBA. Pela terceira vez em quatro anos, ele ganha o prêmio, se tornando o único estrangeiro a conseguir a façanha. Jokic já havia sido escolhido nas temporadas 2020/21 e 2021/22 e se junta a outras oito lendas do basquete americano que levaram o troféu ao menos três vezes para casa.

O feito de Jokic é gigantesco. Basta ver o quilate dos jogadores com os quais ele divide o prêmio por ao menos três vezes. O maior MVP da história é Kareem Abdul-Jabbar, eleito seis vezes, seguido por Michael Jordan e Bill Russel, com cinco troféus. Apenas LeBron James ganhou o MVP quatro vezes, enquanto Larry Bird, Magic Johnson e Moses Malone tiveram três escolhas.

Em papo com Shaquille O'Neal antes do jogo três diante do Minnesota Timberwolves, Jokic recebeu os parabéns de uma maneira diferente. "Você sabe que te amo, você é o melhor jogador da liga. Quero parabenizá-lo. Mas quero que você ouça isso de mim primeiro: achei que SGA (Shai Gildeous-Alexander, armador do Oklahoma City Thunder) deveria ter sido o MVP. Isso não é desrespeito para você", ouviu da lenda do Los Lakers.

"Tudo bem, Shaq, é a sua opinião. Não julgamos opiniões aqui", respondeu, evitando atrito. Mas, acrescentou. "Quem vencesse, o prêmio estaria em boas mãos, isso é fato. Pra mim, acho que as coisas ficaram no detalhe esse ano." Além de Gildeous-Alexander, o outro concorrente era o esloveno Luka Doncic, do Dallas Mavericks.

Thunder e Nuggets terminaram com campanhas idênticas na temporada regular da NBA, pelo Conferência Oeste, com 57 vitórias para cada, além de 25 derrotas, mas o time de Oklahoma foi o dono do primeiro lugar.

Os números de Jokic no comando do Denver são suficientes para que a escolha seja justa. O sérvio tem média de 26,4 pontos por jogo, além de 12,4 rebotes e 9 assistências, além de 1,4 roubo. Seu aproveitamento nos lançamentos é de 58,3%. Ela foi campeão no ano passado, eleito o MVP da temporada regular e das finais.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Leia os termos de uso

SUGERIMOS PARA VOCÊ: