X

Olá! Você atingiu o número máximo de leituras de nossas matérias especiais.

Para ganhar 90 dias de acesso gratuito para ler nosso conteúdo premium, basta preencher os campos abaixo.

Já possui conta?

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Assine A Tribuna
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo

Esportes

Jorge Martín supera pressão da Trachouse e conquista a pole da Etapa da Alemanha de MotoGP


Em um treino classificatório marcado pela queda de Maverick Viñales, Jorge Martín assegurou a pole para a Etapa da Alemanha de MotoGP. O piloto da Pramac garantiu a posição nobre do grid com o tempo de 1min19s423, novo recorde do circuito. Miguel Oliveira e Raúl Fernandez, ambos da Trackrouse, completam a primeira fila.

Francesco Bagnaia não conseguiu repetir o desempenho das últimas etapas e sai na segunda fila, na quarta posição. Alex Marquez e Franco Morbidelli largam em quinto e sexto lugar respectivamente.

Esta foi a quarta pole de Jorge Martín na temporada. Satisfeito com o resultado, ele comentou sobre os problemas que teve e festejou o primeiro lugar no grid. Apesar da vantagem, o espanhol espera uma prova bastante disputada.

"Muito feliz. É sempre uma vantagem estar na pole. Mas vejo uma prova bastante concorrida. Eu tive problemas com os pneus, as motos da Aprilia estão muito fortes e espero poder brigar pela vitória", comentou Martín.

No treino, Maverick Viñales sofreu uma queda forte durante a disputa. Após ir ao chão, o piloto teve um pouco de dificuldades para andar já na área de escape e recebeu atendimento médico do estafe da corrida. No grid, ele sai na sétima posição.

A surpresa no classificatório da manhã deste sábado foi o desempenho abaixo do esperado de Marc Márquez. O piloto espanhol teve dificuldades durante a atividade, não conseguiu passar do Q1, e ficou com a 13ª posição com o tempo de 1min20s263.

Os pilotos voltam à pista neste sábado, às 10h, pelo horário de Brasília, para a corrida sprint da etapa da Alemanha.

Confira o grid de largada para a Etapa da Alemanha:

1º - Jorge Martin (ESP/Pramac), em 1min19s423

2.º - Miguel Oliveira (POR/Trackhouse), em 1min19s471

3.º - Raúl Fernández (ESP/Trackhouse), em 1min19s643

4º - Francesco Bagnaia (ITA/Ducati), em 1min19s749

5º - Alex Marquez (ESP/Gresini), em 1min19s791

6º - Franco Morbidelli (ITA/Yamaha), em 1min19s946

7º - Maverick Viñales (ESP/Aprilia), em 1min19s950

8º - Fabio Di Gianantonio (ITA/Gresini), em 1min19s957

9º - Enea Bastianini (ITA/Ducati), em 1min19s978

10º - Pedro Acosta (ESP/Tech3), em 1min20s348

11º - Brad Binder (AFS/KTM), em 1min20s446

12º - Marco Bezzecchi (ITA/VR46), em 1min20s713

13º - Marc Marquez (ESP/Hondai), em 1min20s263

14º - Fabio Quartararo (FRA/Yamaha), em 1min20s310

15º - Augusto Fernández (ESP/KTN), em 1min20s419

16º - Jack Miller (AUS/KTM), em 1min20s515

17º - Takaaki Nakagami (JAP/LCR Honda), em 1min20s553

18º - Luca Marini (ITA/VR46), em 1min20s565

19º - Johann Zarco (FRA/Pramac), em 1min20s799

20º - Joan Mir (ESP/Repsol Honda), em 1min21s162

21º - Stefan Brandl (ALE/Honda), em 1min21s270

22º - Remy Gardner (AUS/Yamaha), em 1min21s297

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Leia os termos de uso

SUGERIMOS PARA VOCÊ: