X

Olá! Você atingiu o número máximo de leituras de nossas matérias especiais.

Para ganhar 90 dias de acesso gratuito para ler nosso conteúdo premium, basta preencher os campos abaixo.

Já possui conta?

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo

Esportes

Jô marca, mas Amazonas perde para o Sport na rodada inicial da Série B


Ex-Corinthians e Atlético-MG, e com um currículo recheado de títulos, o atacante Jô marcou um gol, mas o Amazonas perdeu para o Sport, neste sábado, por 3 a 2, na Arena Amazônia, em Manaus, pela primeira rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

Este foi o primeiro jogo entre os times na história e o primeiro do Amazonas na Série B. O time fez uma bonita festa neste sábado, mas enfrentou um postulante ao acesso. Com os pés no chão, o time amazonense não esconde que a meta é permanecer na divisão.

O Sport dominou as ações do primeiro tempo e teve as principais oportunidades de gol. Edson Mardden vinha sendo o principal destaque da partida, até que o time pernambucano transformou a superioridade em gol. Aos 30 minutos, Chrystian Barletta cruzou da esquerda, o goleiro do Amazonas se enrolou e a bola chegou em Romarinho, que mandou para o fundo das redes.

Antes do fim do primeiro tempo, o árbitro chegou a marcar um pênalti de Felipinho em Patric. No entanto, Wagner do Nascimento Magalhães foi chamado pelo VAR, voltou atrás em sua decisão e anulou a marcação. Com isso, o Sport foi para o intervalo em vantagem no placar.

No segundo tempo, o Sport foi mais preciso e ampliou aos três. Romarinho deu belo cruzamento para Gustavo Coutinho. De frente para o gol, deu um leve toque para o canto esquerdo: 2 a 0. O Amazonas, no entanto, resolveu reagir e marcou com Matheusinho, aos 21, após tabela com o atacante Ênio.

Parecia que o Amazonas iria pressionar o Sport, mas, aos 23, Felipinho cobrou falta na cabeça de Luciano Castán, que testou firme para o gol. O jogo só ganhou em emoção. Jô, ex-Corinthians, chegou a marcar, mas teve o gol anulado pela arbitragem.

O atacante, que entrou no lugar de Sassá, ex-Cruzeiro e Botafogo, precisou marcar dois para valer um. Aos 45, ele recebeu de Bruno Lopes, cortou o marcador e fez um bonito gol. No entanto, já era tarde. O Amazonas esboçou uma pressão, mas não conseguiu evitar o revés.

Na próxima rodada, o Sport enfrenta o Vila Nova na sexta-feira, às 19h, na Arena Pernambuco, em São Lourenço da Mata (PE). No sábado, às 17h, o Amazonas visita o CRB, no Rei Pelé, em Maceió (AL).

FICHA TÉCNICA

AMAZONAS 2 X 3 SPORT

AMAZONAS - Edson Mardden; Patric, Alvariño, Diogo Silva e Fabiano; Jorge Jiménez (Judá), Guilherme Xavier e Diego Torres (Matheusinho); William Barbio (Bruno Lopes), Sassá (Jô) e Igor Bolt (Ênio). Técnico: Adilson Batista.

SPORT - Caíque França; Pedro Lima, Alisson Cassiano, Luciano Castán e Felipinho; Fabricio Domínguez (Fabinho), Felipe e Tití Ortíz (Pedro Vilhena); Chrystian Barletta (Pablo Dyego), Romarinho e Gustavo Coutinho (Zé Roberto). Técnico: Mariano Soso.

GOLS - Romarinho, aos 30 minutos do primeiro tempo. Gustavo Coutinho, aos dois, Matheusinho, aos 21, e Luciano Castán, aos 23, e Jô, aos 45 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Jorge Jiménez (Amazonas); Fabricio Domínguez e Titi Ortíz (Sport)

ÁRBITRO - Wagner do Nascimento Magalhães (RJ)

RENDA E PÚBLICO - Não divulgados.

LOCAL - Arena da Amazônia, em Manaus (AM).

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Leia os termos de uso

SUGERIMOS PARA VOCÊ: