X

Olá! Você atingiu o número máximo de leituras de nossas matérias especiais.

Para ganhar 90 dias de acesso gratuito para ler nosso conteúdo premium, basta preencher os campos abaixo.

Já possui conta?

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Assine A Tribuna
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo

Esportes

Itália vence o Japão por 3 a 1 e conquista o título da Liga das Nações de vôlei


Com mais um bom desempenho da oposto Paola Egonu, a seleção feminina da Itália venceu o Japão por 3 sets a 1 (25/17, 25/17, 21/25 e 20/25) neste domingo em Bangcoc e conquistou o título da Liga das Nações de vôlei.

Foi o segundo título das italianas, que foram campeãs em 2022, vencendo o Brasil na final. O Japão buscava sua primeira conquista do torneio, disputado desde 2018. Egonu foi a maior pontuadora da partida, com 27 pontos, a segunda neste quesito foi a japonesa Koga, com 17.

Diferentemente do que aconteceu na semifinal contra o Brasil, as japonesas não conseguiram conter o ataque rival. As jogadoras comandadas pelo técnico Julio Velasco aproveitaram a maior capacidade física para triunfar.

Aos 26 anos e com 1,93 m de altura, Egonu ficou com o prêmio de melhor jogadora da competição, título que já havia conquistado na edição de 2022.

A Itália está no Grupo C da Olimpíada de Paris-2024 ao lado de Holanda, República Dominicana e Turquia. O Brasil está no B, com Polônia, Japão e Quênia. Japão e Polônia foram rivais da equipe dirigida pelo técnico José Roberto Guimarães na semifinal e na disputa do bronze da Liga das Nações e saíram vitoriosas.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Leia os termos de uso

SUGERIMOS PARA VOCÊ: