X

Olá! Você atingiu o número máximo de leituras de nossas matérias especiais.

Para ganhar 90 dias de acesso gratuito para ler nosso conteúdo premium, basta preencher os campos abaixo.

Já possui conta?

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Assine A Tribuna
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo

Esportes

Grêmio empata com Atlético-GO, quebra série de derrotas, mas continua no Z-4 do Brasileirão


A má fase do Grêmio parece não ter fim. Em confronto direto na luta contra o rebaixamento, o tricolor gaúcho ficou no empate com o Atlético-GO, por 1 a 1, no estádio Antônio Accioly, nesta quarta-feira, pela 12ª rodada do Brasileirão.

Embora tenha encerrado a sequência de derrotas, o Grêmio chegou ao sexto jogo sem vitória no campeonato e, na penúltima colocação, com sete pontos, corre o risco de terminar a rodada na lanterna. Em 16º lugar, com 10 pontos, o Atlético-GO pode entrar na zona de rebaixamento.

O time goiano criou duas boas chances de abrir o placar antes dos 10 minutos. Baralhas recebeu de Emiliano Rodríguez, cortou Gustavo Martins e bateu na saída de Marchesín. A bola saiu raspando a trave. Na sequência, Shaylon chutou forte e o goleiro do Grêmio espalmou para escanteio.

Incomodado com o desempenho do time, Renato Gaúcho fez duas mudanças aos 30 minutos do primeiro tempo: Gustavo Nunes e Nathan Fernandes entraram nos lugares de Pavón e Everton Galdino. O Grêmio conseguiu equilibrar as ações, apesar de não ter criado nenhuma chance clara.

Logo na volta do intervalo, Cristaldo chutou de fora da área e Ronaldo espalmou. Foi a primeira grande oportunidade do Grêmio na partida. Aos 18, o camisa 10 recebeu de JP Galvão e mandou no cantinho, mas mais uma vez o goleiro do Atlético-GO levou a melhor.

Quando o Grêmio estava melhor, Shaylon cobrou falta, Kannemann cortou para trás e Luiz Felipe, no susto, completou de peito em cima da linha, colocando o Atlético-GO na frente. A vantagem rubro-negra, porém, durou pouco.

Aos 37, em cobrança de escanteio curta, Reinaldo dominou e encheu o pé. A bola desviou em Derek e saiu do alcance de Ronaldo. Apesar dos dois times buscarem a vitória, a partida terminou empatada e com vaias dos torcedores presentes no Antônio Accioly.

Os times voltam a campo no domingo, pela 13ª rodada. O Atlético-GO visita o Atlético-MG, às 11 horas, na Arena MRV, em Belo Horizonte, e o Grêmio recebe o Fluminense, às 16 horas, no Centenário, em Caxias do Sul.

FICHA TÉCNICA

ATLÉTICO-GO 1 X 1 GRÊMIO

ATLÉTICO-GO - Ronaldo; Maguinho (Bruno Tubarão), Adriano Martins, Luiz Felipe e Guilherme Romão (Rodallega); Lucas Kal, Rhaldney (Alejo Cruz depois Max), Baralhas e Shaylon; Luiz Fernando e Emiliano Rodríguez (Derek). Técnico: Anderson Gomes (interino).

GRÊMIO - Marchesín; João Pedro, Gustavo Martins (Du Queiróz), Kannemann e Reinaldo; Dodi, Pepê (Edenilson) e Cristaldo; Pavón (Gustavo Nunes), JP Galvão (Rodrigo Ely) e Everton Galdino (Nathan Fernandes). Técnico: Renato Gaúcho.

GOLS - Luiz Felipe, aos 27 e Reinaldo, aos 37 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Shaylon, Max, Alejo Cruz, Emiliano Rodríguez, Baralhas, Bruno Tubarão e Lucas Kal (Atlético-GO); Everton Galdino, Edenilson, Kannemann e Nathan Fernandes (Grêmio).

ÁRBITRO - Bruno Arleu de Araújo (RJ).

RENDA - R$ 152.035,00.

PÚBLICO - 8.838 torcedores.

LOCAL - Estádio Antônio Accioly, em Goiânia (GO).

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Leia os termos de uso

SUGERIMOS PARA VOCÊ: