X

Olá! Você atingiu o número máximo de leituras de nossas matérias especiais.

Para ganhar 90 dias de acesso gratuito para ler nosso conteúdo premium, basta preencher os campos abaixo.

Já possui conta?

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Assine A Tribuna
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo

Esportes

Gabi elogia torcida e comemora vitória da seleção feminina de vôlei: 'Inesquecível'


Completando 30 anos de ida neste domingo, a capitã da seleção brasileira feminina de vôlei, Gabi Guimarães, pegou o microfone e comemorou com todo o ginásio do Maracanãzinho, no Rio de Janeiro, a vitória sobre a Sérvia por 3 sets a 1, parciais de 25/15, 25/19 e 25/19. Ela foi a principal pontuadora da partida, com 15, seguida por Rosamaria (12) e Ana Cristina (11).

"É um momento inesquecível. Vocês embalaram a gente. Vocês fizeram o dia do meu aniversário ser muito especial. Estou muito feliz", disse a capitã da equipe do técnico Zé Roberto Guimarães.

Quem também enalteceu a presença da torcida brasileira nesses dois últimos jogos no Maracanãzinho foi Rosamaria. Ela ainda mostrou muita confiança com a sequência da equipe na Liga das Nações. O Brasil lidera com quatro vitórias em quatro partidas.

"Foi muito importante para gente essa vitória com o ginásio cheio, cada ponto conta, cada set conta. Estamos entrando a cada jogo como se fosse o último. Estou feliz por dar esse presente para o torcedor, que está nos dando um presente muito bom com essa energia sensacional. O público está sentindo a nossa energia dentro de quatro. Vamos estar do outro lado do mundo, mas eles vão continuar nos mandando energia e precisamos disso para crescer ainda mais e fazer boas partidas", completou.

Ela aproveitou o momento para enviar boas energias a Julia Kudiess, que saiu de quadra machucada e foi ovacionada pelos presentes após chorar copiosamente no banco de reservas. Ela passará por exames para ter um diagnóstico da lesão.

"A gente não sabe o que foi com a Julia. Choramos e nos preocupamos juntas. Esperamos que não seja nada, pois sabemos quanto a Julia queria estar aqui. Estamos na torcida", finalizou.

O Brasil volta à quadra no dia 28 de maio para enfrentar a seleção japonesa, que atuará em casa. O duelo está previsto para as 8h30 (horário de Brasília).

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Leia os termos de uso

SUGERIMOS PARA VOCÊ: