X

Olá! Você atingiu o número máximo de leituras de nossas matérias especiais.

Para ganhar 90 dias de acesso gratuito para ler nosso conteúdo premium, basta preencher os campos abaixo.

Já possui conta?

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Assine A Tribuna
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo

Esportes

De olho em Paris-2024, Melo e Matos vencem e avançam à final do Torneio de Stuttgart


Os tenistas brasileiros Marcelo Melo e Rafael Matos avançaram à final do Torneio de Stuttgart, nesta sexta-feira. A dupla alcançou a vaga na decisão ao superar na semifinal os anfitriões Constantin Frantzen e Hendrik Jebens pelo placar de 2 sets a 1, com parciais de 7/6 (7/5), 6/7 (3/7) e 13/11, na Alemanha.

"Muito contente com a vitória aqui. Um jogo duríssimo de novo. Mesma dupla que jogamos na primeira rodada em Roland Garros. Eu e o Rafa conseguimos jogar bem na maior parte do jogo, o que foi chave. Mantivemos a cabeça fria, salvamos match-point sacando, com bons pontos. Fomos agressivos na hora que tivemos de ser, especialmente no match-point. Estamos entrosando muito bem", declarou Melo.

A competição em Stuttgart marca a abertura da curta temporada de grama no circuito. E já serve de preparação para Wimbledon, quando a dupla brasileira deve jogar junta novamente. O objetivo deles é conquistar a vaga na Olimpíada de Paris-2024, que começa no dia 26 de julho, duas semanas após Wimbledon.

"É a primeira vez que estou jogando com o Rafa na grama. Vários pontos que fizemos em momentos importantes vêm do entrosamento que estamos construindo. Esse foi o principal ponto. A maneira que já estamos conseguindo encaixar de jogar, que é um complementando bem o outro. Realmente muito feliz. Salvar match-point, ir para a final de um torneio já no começo de uma parceria. Espero que dê tudo certo", comentou Melo.

O veterano vai disputar sua 74ª final da carreira no circuito profissional, em busca de 38º título. Matos estará em sua 13ª decisão de ATP, tentando levantar o oitavo troféu, sendo o segundo do ano - o primeiro foi o Rio Open.

Na final, marcada para as 6h de domingo (horário de Brasília), eles vão enfrentar o britânico Julian Cash e o americano Robert Galloway, que eliminaram o indiano Yuki Bhambri e o francês Albano Olivetti por 7/5 e 6/4.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Leia os termos de uso

SUGERIMOS PARA VOCÊ: