X

Olá! Você atingiu o número máximo de leituras de nossas matérias especiais.

Para ganhar 90 dias de acesso gratuito para ler nosso conteúdo premium, basta preencher os campos abaixo.

Já possui conta?

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo

Esportes

Correção: Santos inicia reconstrução com vitória sobre o Paysandu na estreia na Série B


A nota enviada anteriormente contém um erro na ficha técnica. Segue a versão corrigida:

Em ano de reconstrução após o rebaixamento, o Santos estreou com o pé direito na Série B e bateu o Paysandu em casa por 2 a 0, com gols de Pedrinho e Guilherme. O jogo, disputado na Vila Belmiro, teve portões fechados devido às confusões que marcaram o descenso do clube santista na última rodada da Série A de 2023. Com o triunfo, o time santista fica na segunda colocação na tabela, com três pontos. O Paysandu aparece na lanterna, com zero.

O jogo começou sonolento. Os primeiros 45 minutos do Santos na Segunda Divisão foram pouco animadores e o time enfrentou dificuldades para criar jogadas, sem conseguir finalizar ao gol adversário, ficando muito amarrado no meio campo em passes burocráticos. A única oportunidade de ataque surgiu aos quatro minutos, quando Aderlan cruzou da direita para Enzo Monteiro, que cabeceou para fora.

Enquanto isso, o Paysandu começou a gostar do jogo e dominou as ações, pressionando a área santista, principalmente com chutes de longa distância, mas sem precisão. A melhor chance veio aos 41 minutos, quando Leandro Vilela recebeu livre na área, mas o chute saiu fraco e facilitou a defesa de João Paulo.

E o início do segundo tempo não foi diferente, com os times mantendo o mesmo ritmo. O técnico Fábio Carille fez quatro substituições de uma vez, buscando mais criatividade. E melhorou: o Santos passou a ter mais posse de bola, mas ainda pecava nos passes e cruzamentos.

O jogo só ganhou em emoção aos 23 minutos, quando Pedrinho marcou um belo gol após jogada individual pela ponta direita, colocando o Santos na frente. O camisa 7 foi invadindo a área em diagonal, deixou dois marcadores para trás e finalizou cruzado de pé esquerdo para marcar o primeiro. Pouco depois, Furch teve uma boa chance, mas o goleiro Matheus Nogueira defendeu.

O Paysandu tentou buscar o empate, porém não conseguiu criar oportunidades claras de gol. Enquanto isso, o Santos apostava nos contra-ataques e, num deles, chegou ao seu segundo gol aos 45 minutos com Guilherme, pegando rebote do goleiro Matheus após chute de Pedrinho, garantindo assim a vitória na estreia da Série B.

O próximo compromisso do Santos é fora de casa contra o Avaí na sexta-feira válido pela segunda rodada da Série B. Já o Paysandu recebe o Botafogo-SP no Mangueirão, em Belém-PA, na segunda-feira (29).

FICHA TÉCNICA

FICHA TÉCNICA:

SANTOS 2 X 0 PAYSANDU

SANTOS - João Paulo; Aderlan (JP Chermont), Gil, Joaquim e Hayner (Rodrigo Ferreira); João Schmidt, Diego Pituca e Giuliano (Rincón); Otero (Pedrinho), Enzo Monteiro (Furch) e Guilherme

Técnico: Fábio Carille

PAYSANDU - Matheus Nogueira; Edilson (Ruan Ribeiro), Wanderson, Quintana e Bryan Borges; João Vieira, Leandro Viela (Gabriel Bispo) e Robinho (Val Soares); Edinho (Michel Macedo) , Jean Dias (Gabriel Santos) e Nicolas.

Técnico: Hélio dos Anjos

GOLS - Pedrinho, aos 23 minutos do segundo tempo, e Guilherme, aos 45 minutos do segundo tempo (Santos)

CARTÕES AMARELOS - Rincón, Quintana, Bryan Borges, Michel Macedo e Joaquim.

ÁRBITRO - Lucas Guimaraes Rechatiko Horn (RS).

RENDA E PÚBLICO - Jogo sem torcida.

LOCAL - Vila Belmiro, em Santos (SP).

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Leia os termos de uso

SUGERIMOS PARA VOCÊ: