X

Olá! Você atingiu o número máximo de leituras de nossas matérias especiais.

Para ganhar 90 dias de acesso gratuito para ler nosso conteúdo premium, basta preencher os campos abaixo.

Já possui conta?

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo

Esportes

Correção: O que o Corinthians precisa fazer para se classificar no Paulistão? Confira cenários


O texto enviado anteriormente foi cotado, faltando uma parte. Segue versão corrigida:

O Corinthians vive situação para lá de dramática no Campeonato Paulista. A reação do time no Estadual foi freada neste domingo, com a derrota por 1 a 0 para Ponte Preta, na Neo Química Arena, em Itaquera, a primeira sobre o comando de António Oliveira. Faltando duas rodadas para o fim da fase de grupos, a equipe do Parque São Jorge necessita de uma combinação de resultados para ter chance de se classificar às quartas de final do Paulistão.

A equipe corintiana está no último lugar do Grupo C, com dez pontos em dez jogos. O Mirassol é o terceiro colocado, com 14, mesma pontuação da Inter de Limeira, segundo colocado por ter um melhor saldo de gols (4 contra 3). O Red Bull Bragantino lidera, com 18. Nesta fase, os dois melhores de cada chave avançam.

Para ter alguma chance de classificação, o Corinthians, inicialmente, precisa torcer para a Inter de Limeira não vencer o jogo atrasado da quinta rodada que tem com o São Paulo, marcado para quarta-feira, às 21h35. A partida teve o seu mando vendido para Brasília e será realizada no Estádio Mané Garrincha. Se bater a equipe tricolor, o time do interior paulista vai somar 17 pontos e não poderá ser mais alcançada pelo Corinthians, que faz no máximo 16. O Corinthians, então, já estaria eliminado.

Mesmo se a Inter de Limeira não vencer o São Paulo, a situação continua difícil para o Corinthians. Na próxima rodada, a penúltima, o time alvinegro precisa derrotar o Santo André, um dos piores do Estadual, e torcer para Mirassol e Inter de Limeira não vencerem Portuguesa e Ituano, respectivamente. Em caso de resultado positivo para qualquer um dos adversários na chave, a equipe corintiana estará eliminada.

Para ter chances na rodada derradeira, a 12ª, o Corinthians precisa que seus adversários no grupo ao menos empatem na penúltima partida desta fase. Neste cenário, os rivais corintiano somariam 15 pontos cada. Assim, o time corintiano precisaria derrotar o Água Santa e torcer para a Inter de Limeira e Mirassol tropeçarem diante de Santos e São Bernardo, respectivamente. Se qualquer um dos dois saírem vitoriosos, o Corinthians está eliminado. Em caso de empate, o time alvinegro igualaria em número de pontos (16) e levaria a melhor no número de vitórias (5 contra 4, da Inter, e 3, do Mirassol).

CORINTHIANS PODE FICAR FORA DA COPA DO BRASIL?

A Copa do Brasil é a competição que mais paga no País. Neste ano, o Santos vive situação de restrição financeira, pelo rebaixamento e por deixar de classificar-se para o torneio. As chances do Corinthians não classificar para a Copa do Brasil 2025 ainda são remotas, mas existem.

Caso a equipe não avance para a próxima fase do Estadual, já não tem a vaga. Se avançar e chegar até a semifinal, a participação no torneio está garantida. Outro cenário é avançar, mas cair nas quartas de final. Nesse caso, é preciso que o Corinthians tenha a melhor campanha entre os eliminados nesta fase.

Classificam-se para a Copa do Brasil pelo Campeonato Paulista todos os semifinalistas mais o time e melhor campanha eliminado nas quartas (quinto colocado geral). São Paulo tem mais uma vaga, conquistada pelo campeão da Copa Paulista, realizada no segundo semestre.

O Corinthians encara o Santo André no sábado, às 16h (horário de Brasília), na Neo Química Arena. O time alvinegro faz campanha decepcionante no Estadual, com três vitórias, um empate e seis derrotas. O início ruim levou a diretoria recém-empossada a demitir Mano Menezes. O técnico escolhido para tocar o projeto foi o português António Oliveira, que estava no Cuiabá. Em cinco partidas do novo comandante, o time corintiano tem três vitórias, um empate e uma derrota.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Leia os termos de uso

SUGERIMOS PARA VOCÊ: