X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Com Gio Queiroz, Brasil é convocado para Mundial Feminino sub-20

Atacante da seleção principal é maior novidade na lista de Jonas Urias

Agência Brasil | 27/07/2022 22:18 h

Gio Queiroz
Gio Queiroz |  Foto: Thais Magalhães/CBF
  

A seleção feminina de futebol foi convocada, nesta quarta-feira (27), para o Campeonato Mundial Sub-20, que será realizada entre 10 e 28 de agosto, na Costa Rica. A relação de 21 jogadoras chamadas pelo técnico Jonas Urias tem oito novidades em relação ao time campeão sul-americano da categoria. Entre elas, a atacante Gio Queiroz, do Barcelona (Espanha), que está com a equipe principal na Colômbia, para disputa da Copa América.

"A Gio é uma atleta que tem estado com a seleção principal desde antes das Olimpíadas de Tóquio [Japão]. Uma jogadora que atua em um campeonato de altíssimo nível, como o Espanhol, com certeza pode agregar muito em uma Copa do Mundo. Ela tem estado muito presente no trabalho da Pia [Sundhage, técnica da seleção adulta]. Temos um alinhamento em relação ao jogo, convivemos diariamente e conversamos sobre essas jogadoras que transitam entre as categorias, como elas podem contribuir e em qual estágio estão para desempenhar bem e seguirem se desenvolvendo. Vemos essa convocação como algo positivo para todos", descreveu Jonas, em entrevista coletiva.

Mais quatro atletas já foram convocadas por Pia, como a goleira Gabi Barbieri, a meia Yaya, a zagueira Lauren e a lateral Bruninha. As duas últimas chegaram a atuar com a treinadora na equipe principal e foram campeãs do Torneio Internacional de Manaus, em dezembro, também ao lado de Gio.

Santos e São Paulo são os times com mais jogadoras convocadas (quatro cada), seguidos pelo Grêmio (três). Internacional, Ferroviária e Flamengo marcam presença com duas atletas, enquanto Atlético-MG, Corinthians e os espanhóis Barcelona e Madrid CFF terão uma representante na equipe.

"Talvez, na história das seleções [femininas] de base, em disputas de Copas do Mundo, tenho certeza que é a geração com mais jogadoras atuando em nível profissional em seus clubes. Isso agrega competitividade, laços competitivos que vão contribuir para um desempenho melhor. Existem inúmeros outros fatores, mas estar jogando e convivendo diariamente com atletas de alto nível é de extrema importância. Uma jogadora do São Paulo, por exemplo, vai ouvir dicas da Formiga", analisou o técnico da seleção sub-20.

A delegação embarca para a Costa Rica neste domingo (31). Chegando lá, fará dois amistosos antes do Mundial. No dia 2 de agosto, as brasileiras encaram a equipe feminina principal do Dimas Escazú. No dia 5, duelam com a Nova Zelândia. Ambas as partidas serão na cidade de Liberia.

O Brasil está no Grupo A do Mundial. A estreia será diante da Espanha, no dia 10, no Estádio Nacional de San José. Três dias depois, a seleção enfrenta a Austrália, no Estádio Alejandro Morera Soto, em Alajuela. A participação na primeira fase chega ao fim no dia 16, outra vez em San José, contra a anfitriã Costa Rica. Os dois primeiros da chave avançam às quartas de final. As brasileiras buscam um título inédito.

As convocadas

Goleiras: Gabi Barbieri (Internacional), Yanne Camille (Ferroviária) e Amanda (Atlético-MG).

Defensoras: Bruninha (Santos), Lauren (Madrid CFF), Tarciane (Corinthians), Ravena (São Paulo), Patrícia (Grêmio), Sabrina (Santos) e Ana Clara (São Paulo).

Meias: Cris (Flamengo), Kaylaine Souza (Flamengo), Yaya (São Paulo), Analuyza (Santos), Gi Fernandes (Santos), Rafa Levis (Grêmio) e Luany (Grêmio).

Atacantes: Duda Rodrigues (São Paulo), Priscila (Internacional), Aline (Ferroviária) e Gio Queiroz (Barcelona).

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em nosso grupo do Telegram

MATÉRIAS RELACIONADAS