X

Olá! Você atingiu o número máximo de leituras de nossas matérias especiais.

Para ganhar 90 dias de acesso gratuito para ler nosso conteúdo premium, basta preencher os campos abaixo.

Já possui conta?

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo

Esportes

Claudinei Oliveira mostra preocupação com estado emocional do Guarani: 'Não tem nada perdido'


O empate por 2 a 2 com o Santo André após estar vencendo por 2 a 0, ligou um sinal de alerta no Guarani. O técnico Claudinei Oliveira mostrou preocupação com o estado emocional do elenco e projetou uma "decisão" na luta contra o rebaixamento frente à Portuguesa, neste domingo, às 18h, no estádio do Canindé, pela nona rodada do Campeonato Paulista.

"Vou conversar bastante com os atletas, principalmente para avaliar a situação emocional. Nesse primeiro momento do nosso trabalho vamos entrar mais com a questão dos conceitos, até pelo curto intervalo entre um jogo e outro. Não dá para entrar com uma carga muito grande. Na próxima semana teremos um tempo maior", disse Claudinei Oliveira.

O treinador já fez uma projeção para o duelo com a Portuguesa e indicou que deve rodar o elenco. "Vamos escolher quem estiver mais inteiro. Não tem nada perdido. É o momento de ter equilíbrio. Se eu estivesse na arquibancada, também estaria revoltado. Então vamos entender o momento e continuar trabalhando com seriedade."

Claudinei Oliveira mostrou ainda total confiança no meia Régis, que entrou em conflito com o técnico Umberto Louzer no início da temporada e chegou a afastar o meia. "Joguei várias contra o Régis. É um jogador de muita qualidade. Fez a tomada de decisão rápida no gol. Precisamos deixar o Régis em condição mais confortável para ele ter espaço. Se ele fizer 60 minutos todo jogo, com um gol ou uma assistência, vai nos ajudar bastante. Espero que a gente consiga, se a palavra for essa, resgatar o melhor futebol do Régis."

O treinador também lamentou a saída do lateral Mayk, que foi anunciado como novo reforço do Grêmio. "A proposta chegou para o atleta e não tem como impedir o jogador de ir. A negociação foi direcionada pelo clube, que achou interessante. É preciso entender que às vezes é a chance da vida do cara e fica difícil administrar a situação na cabeça do jogador. O foco dele não estaria mais no Guarani. A gente lamenta a saída dele porque fez uma grande Série B no ano passado."

Com novo tropeço no Paulistão, o Guarani aparece na lanterna do Grupo B, com cinco pontos, muito próximo da zona de rebaixamento, que tem Portuguesa e Santo André, ambos com quatro.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Leia os termos de uso

SUGERIMOS PARA VOCÊ: