X

Olá! Você atingiu o número máximo de leituras de nossas matérias especiais.

Para ganhar 90 dias de acesso gratuito para ler nosso conteúdo premium, basta preencher os campos abaixo.

Já possui conta?

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Assine A Tribuna
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo

Esportes

Bia Haddad inicia temporada de grama com eliminação de virada nas duplas em Berlim


Principal tenista do Brasil, Beatriz Haddad Mais não largou bem na temporada de grama, onde conquistou os títulos de Nottingham e Birmingham em 2022. Ao lado da compatriota Ingrid Martins, levou a virada nas duplas em Berlim, parciais de 7/6 (7/5), 6/7 (5/7) e 5/10 diante das chinesas Wang Xinyu e Zheng Saisai na estreia em preparativo para Wimbledon.

Nesta terça-feira, sem descanso, a 18ª do mundo entra em quadra em simples, para desafiar a russa Ekaterina Alexandrova. A chave de Berlim está bastante dura para Bia Haddad. Apesar de ter vencido as três vezes que encarou a rival, ela sabe que não será jogo fácil. E, caso avance, já terá a número 2 do mundo pela frente, a americana Coco Gauff.

O jogo de duplas com as chinesas começou passando a impressão que as brasileiras iriam se sobressair após abrirem logo 3 a 0 e depois 4 a 1. Mas permitiram a reação e o empate por 4 s 4. A parcial acabou no tie-break e com vitória v Erde e amarela por 7/5 no segundo set point.

Sem nenhuma quebra, e com as brasileiras salvando dois set points, a segunda parcial mais uma vez terminou no tie-break. E com as chinesas abrindo logo 4 a 0 e depois 6 a 2. Bia e Ingrid salvaram três chances de fechar, mas acabaram permitindo a devolução dos 7/5.

A decisão foi ao supre tie-break e com as brasileiras cometendo muitos erros. Perderam três serviços no começo da parcial e ficaram em desvantagem de 6 a 1. Caíram por 10 a 5 no primeiro Match point.

Pela chave feminina de Berlim, as russas Daria Kasatkina e Anna Kalinskaya e a checa Marketa Vondreousova (cabeça 5) avançaram. Apenas a americana Emma Navarro, melhor classificada no ranking, foi eliminada.

MEDVEDEV GANHA

Terceiro favorito no Torneio de Halle, também na Alemanha, o russo Daniil Medvedev estreou com boa vitória sobre o português Nuno Borges, parciais de 7/6 (7/4) e 6/4. O rival das oitavas de final, na quarta-feira, será o chinês Zhang Zhizhen.

Cabeça de chave oito, o canadense Félix Auger Aliassime abandonou quando perdia por 6/4 e 4/3 para o alemão Dominik Koepfer. Já o polonês Hubert Hurkacz (5º) passou pelo italiano Flávio Cobolli com 7/5 e 7/6 (7/2).

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Leia os termos de uso

SUGERIMOS PARA VOCÊ: