X

Olá! Você atingiu o número máximo de leituras de nossas matérias especiais.

Para ganhar 90 dias de acesso gratuito para ler nosso conteúdo premium, basta preencher os campos abaixo.

Já possui conta?

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Assine A Tribuna
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo

Esportes

Bernardinho não relaciona Lucão diante da Argentina; Lukas Bergmann ganha 1ª chance


O técnico Bernardinho fará mudanças na seleção brasileira masculina que vai enfrentar a Argentina nesta quinta-feira, às 21 horas, no Maracanãzinho, pela segunda rodada da Liga das Nações de Vôlei. Bastante criticado pela torcida na derrota diante de Cuba, por 3 sets a 1, o experiente meio de rede Lucão vai ganhar um descanso. Já o jovem ponteiro Lukas Bergmann foi relacionado pela primeira vez.

Lucão saiu zerado no bloqueio diante dos cubanos e o fundamento foi um dos mais questionados do Brasil. A equipe não conseguiu parar os ataques dos rivais. Para piorar, o time de Bernardinho ainda deu 19 pontos aos rivais em erros de saque.

Para ter Lucão mais inteiro contra Sérvia e Itália, duelos considerados mais fortes e agendados para sexta-feira e domingo, respectivamente, Bernardinho deve observar mais o também experiente Isac, de 33 anos, e Judson, que entrou na lista de relacionados na vaga de Lucão. Flávio deve ser mantido como o titular do meio de rede no começo da partida.

Já a entrada de Lukas Bergamnn na lista de relacionados é para o garoto ganhar experiência. Arthur Bento, de 19 anos, foi o escolhido para compor o grupo diante de Cuba. Agora é a vez do campeão da Superliga com o Sesi-Bauru, de 20 anos, sentir o gostinho de poder defender a seleção adulta.

Bernardinho vai revezar os jogadores mais jovens, mas jamais lançá-los na 'fogueira'. Arthur Bento e Bergmann, os caçulas, só serão escalados caso a seleção brasileira esteja com um bom resultado na partida.

Apesar de já estar classificado para Paris-2024, Bernardinho quer "dar cara" para o time que levará para Paris. E como todos os adversários da primeira fase da Liga das Nações estão buscando a vaga olímpica, o treinador sabe que os confrontos serão duros e bons testes para o time brasileiro medir sua força.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Leia os termos de uso

SUGERIMOS PARA VOCÊ: