search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Ernesto Araújo entra na mira da oposição na CPI
Coluna do Estadão

Andreza Matais e Marcelo de Moraes


Ernesto Araújo entra na mira da oposição na CPI

A oposição no Senado terá como prioridade na CPI da Covid o ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello e seus principais assessores, que parlamentares esperam convocar mais de uma vez para prestar esclarecimentos. Mas outro ex-ministro também entra na mira dos senadores: Ernesto Araújo.

Querem do ex-chanceler uma explicação sobre a diplomacia da vacina sob seu comando. O Planalto esperava que a demissão deles ajudasse a arrefecer os ânimos, e agora busca uma maneira de postergar o início dos trabalhos e reduzir danos na comissão.

Culpado. “O ex-ministro de Relações Exteriores é um dos principais responsáveis pelas dificuldades que o Brasil tem hoje na obtenção de vacinas, pela política irresponsável que implementou, particularmente com a China”, disse Humberto Costa (PT-PE).

Lista. Também devem ser convocados o presidente da Anvisa, Antônio Barra Torres, e o ex-Secom Fábio Wajngarten, responsável pela campanha publicitária “O Brasil não pode parar”.

Bola de... Quem quiser uma dica de como devem ser as cobranças para cima de Pazuello na CPI é só ver o julgamento do TCU sobre a gestão da pandemia sob o comando do general.

...cristal. Ministros do tribunal apontaram omissões graves e senadores estão tomando notas.

Como era? Membros da CPI disseram à Coluna ser importante ouvir também os ex-ministros Luiz Henrique Mandetta e Nelson Teich, para ter um testemunho da relação (ou intervenção) de Bolsonaro na pasta.

CLICK. Ativistas da rede Nossas com máscaras de Luciano Hang e Carlos Wizard em protesto contra permissão para iniciativa privada adquirir vacinas sem doá-las.

Cronograma. Os trabalhos da comissão devem começar na última semana de abril, o que trouxe alívio para assessores palacianos: ganham tempo para a chegada de vacinas. Este deve ser o mês com maior escassez de doses no País.

Tic-tac. Do senador Renan Calheiros (MDB-AL): “Quanto mais demoram para indicar integrantes e para dar início à CPI, mais os trabalhos se aproximarão do período eleitoral. E depois, ainda vão reclamar da gente”.

Vida real. O sonho de consumo do governo era Ciro Nogueira (PP-PI) na relatoria da CPI. Mas hoje é mais provável que o comando da comissão fique com a dobradinha Otto Alencar (PSD-BA) e Eduardo Braga (MDB-AM).

Bicado. A ameaça de Jair Bolsonaro de que poderia “sair na porrada” com Randolfe Rodrigues (Rede-AP) por causa da CPI da Covid rendeu ao senador uma série de ataques nas redes.

Alvo I. De acordo com levantamento da consultoria Bites, nos últimos 12 meses, Randolfe foi mencionado em 284 mil publicações no Twitter, mas só na segunda-feira seu nome surgiu em 25 mil posts.

Alvo II. Do total, 95% eram retuítes. O que, para a consultoria, poderia indicar um ataque coordenado.

Let's... A Confederação Nacional da Indústria (CNI) lança hoje campanha para pressionar para que o acordo Mercosul-União Europeia saia do papel.

...go Além de elaborar cartilha focada no desenvolvimento sustentável, a CNI deve promover reuniões com os setores público e privado da Europa.

Pronto, falei!

"Eu não sei o que Bolsonaro quis dizer com 'o País está no limite'. O único limite que discuto com ele é o das quase 350 mil famílias enlutadas pela Covid-19”

Marcelo Ramos, vice-presidente da Câmara dos Deputados (PL-AM)

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora
esqueceu a senha?

últimas dessa coluna


Exclusivo
Coluna do Estadão

Militares preocupados com destino de Pazuello

Importante general da reserva resume o sentimento dos militares em relação ao destino de Eduardo Pazuello: teme que o ex-ministro da Saúde seja preso, como uma espécie de “prêmio” aos senadores da …


Exclusivo
Coluna do Estadão

A ação no Jacarezinho e o calendário eleitoral

Para além das questões concernentes à segurança pública e aos direitos humanos, a tragédia da favela do Jacarezinho, no Rio, virou combustível político. Adversários de Cláudio Castro, aliado de Jair …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Na Câmara, sessão sobre “tratamento precoce”

Ao final de uma longa semana em que a CPI da Covid, no Senado, tentou acuar, constranger e responsabilizar Jair Bolsonaro pela aposta no mínimo equivocada na utilização da cloroquina, nos derivados …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Insinuação de Bolsonaro preocupa o Butantan

O timing não poderia ter sido pior. O Butantan acompanhou estarrecido a insinuação do presidente Jair Bolsonaro de que a China fez “guerra química” com o coronavírus. Produtor da Coronavac, o …


Exclusivo
Coluna do Estadão

CPI vê carta como primeira “prova” de omissão

A despeito de seu potencial “viralizante”, a afirmação de Luiz Henrique Mandetta de que Jair Bolsonaro queria um decreto para incluir Covid-19 na bula da cloroquina, a sala de comando da CPI se …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Dificuldade do Planalto: Mandetta não é Moro

O depoimento de Luiz Henrique Mandetta na CPI da Covid traz desafio adicional a Jair Bolsonaro: encontrar governistas com nível de “sangue nos olhos” suficiente para dar “carrinhos por trás” no …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Busca por “CPI” no Google bate recorde

Em uma semana de CPI da Covid, o interesse de busca no Google pelo termo “CPI” já bateu recorde para os últimos 16 anos: desde a dos Correios, que investigou o mensalão, a palavra não era tão …


Exclusivo
Coluna do Estadão

CPI já muda projeções de cenários para 2022

A preço de hoje, a CPI da Covid deverá ter impacto imobilizador no governo se escancarar erros e omissões no combate à pandemia, avaliam os políticos mais rodados de Brasília. Em um cenário de …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Em jantar, Temer anuncia “Ponte para o Futuro 2”

Depois da rodada de jantares com Jair Bolsonaro, Arthur Lira (PP-AL) e Rodrigo Pacheco (DEM-MG), o empresário Washington Cinel promoveu encontro para homenagear Michel Temer, na noite de quinta-feira …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Hora de aprender lições que chegam do exterior

O desenrolar da tragédia brasileira mostra que nem o governo nem uma grande quantidade de brasileiros aprendeu muito com o sacrifício de nossos 400 mil compatriotas: o mundo nos avisa sobre uma …


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados