X

Olá! Você atingiu o número máximo de leituras de nossas matérias especiais.

Para ganhar 90 dias de acesso gratuito para ler nosso conteúdo premium, basta preencher os campos abaixo.

Já possui conta?

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo

Chegou o que faltava aposta em Teatro Glória em busca do título no Grupo Especial

Escola é a quinta a desfilar no sábado (03)


Imagem ilustrativa da imagem Chegou o que faltava aposta em Teatro Glória em busca do título no Grupo Especial
|  Foto: Divulgação

Com piso do Teatro Glória em cena, a Chegou o que faltava vai homenagear esse espaço de cultura tão importante da cidade de Vitória. O material foi uma doação da mesma empresa que fez o piso do teatro. 

"Bravo! Abram-se as cortinas, o Glória em cena", é o tema da escola de Goiabeiras, que pretende contar a história do edifício desde sua construção e abordar as diversas histórias vividas dentro deste espaço. 

No samba-enredo da escola, o próprio Glória conta sua história, em primeira pessoa. Além disso, a escola promete levar ao Sambão do Povo carros alegóricos com a extensão máxima permitida pelo regulamento. A avenida será palco de um espetáculo prometido pela agremiação, que quer despertar a memória e encantar o público e os jurados. 

A Chegou o que faltava terá 1.300 componentes, 22 alas, 3 carros alegóricos e 2 tripés. 

Enredo: "Bravo! Abram-se as cortinas, o Glória em cena"

Fundação: 6 de junho de 1975

Presidente: Rafael Cavalieri

Carnalescos/ Direção de carnaval: Petterson Alves, Jorge Mayko e Vanderson César

Intérprete oficial: Igor Vianna

Mestre de bateria: Alcino Junior e Jorge Borges

Rainha de bateria: Jamila Alvarenga

Coreógrafo da comissão de frente: Jorge Mayko

*Estagiária, com supervisão de Weslei Radavelli

MATÉRIAS RELACIONADAS:

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Leia os termos de uso

SUGERIMOS PARA VOCÊ: