search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Em 100º jogo pelo Tricolor, Pepê decide Gre-Nal da Libertadores

Esportes

Publicidade | Anuncie

Esportes

Em 100º jogo pelo Tricolor, Pepê decide Gre-Nal da Libertadores


No segundo clássico Gre-Nal pela Libertadores, melhor para o Grêmio. Na quarta-feira (23), o Tricolor foi superior ao Internacional na maior parte dos 90 minutos e derrotou o maior rival por 1 a 0, pelo Grupo E. O resultado no Beira Rio, pela quarta rodada da primeira fase, levou os gremistas aos mesmos sete pontos do Colorado, que segue na ponta da chave pelo saldo de gols (3 a 1). Os gaúchos têm três pontos de vantagem para o América de Cali, da Colômbia, que está em terceiro.

O triunfo ameniza a pressão em cima do elenco gremista e do técnico Renato Portaluppi, mas em nada ajuda o Inter, que viu o jejum de vitórias no clássico chegar a 10 partidas. Além disso, o Colorado não balança as redes em um Gre-Nal há seis jogos.

O Inter teve a posse de bola em quase 60% do primeiro tempo e deu o único chute à meta dos 45 minutos iniciais, mas foi o Grêmio que comandou as ações. Além de pressionar a saída de bola rival, o Tricolor apostou com êxito na velocidade pelos lados do campo, especialmente na direita, com o atacante Alisson e o lateral Luís Orejuela atacando Matheus Jussa. Volante de ofício, ele atuou improvisado na lateral esquerda no lugar de Uendel, contaminado pelo novo coronavírus (covid-19). A equipe de Renato, porém, finalizou mal quando teve a chance.

Na etapa final, as equipes, enfim, criaram lances de perigo. O Inter teve a primeira oportunidade aos 12 minutos, em uma cabeçada do atacante Thiago Galhardo defendida pelo goleiro Vanderlei. Dez minutos depois, o atacante Pepê recebeu do centroavante Diego Souza e tentou a cavadinha para encobrir o goleiro Marcelo Lomba, mas mandou para fora.

Mas, aos 28, Pepê não desperdiçou. O atacante, em seu 100ª jogo pelo Tricolor, recebeu passe do volante Darlan, cortou para dentro e arrematou de fora da área, no canto esquerdo de Lomba, para abrir o marcador. A resposta colorada veio aos 30, em voleio do atacante Abel Hernandez, defendido por Vanderlei. Quatro minutos depois, o meia Andrés D'Alessandro cobrou falta na área, mas Galhardo, de cabeça, mandou ao lado da meta. O Inter não conseguiu dar sequência à pressão e o Grêmio retomou o controle da partida até o apito final.

(Foto: Lucas Uebel/ Grêmio FBPA)
(Foto: Lucas Uebel/ Grêmio FBPA)

As equipes voltam as atenções à Série A do Campeonato Brasileiro. Neste sábado (26), o Internacional recebe o São Paulo no Beira Rio, às 19h (horário de Brasília). Às 21h do mesmo dia, o Grêmio visita o Atlético-MG no Mineirão.

Palmeiras no zero
O Palmeiras ficou no 0 a 0 com o Guaraní, do Paraguai, no estádio Defensores del Chaco, em Assunção, e perdeu a chance de assegurar a classificação antecipada às oitavas de final da Libertadores. A igualdade manteve o Verdão na liderança do Grupo B, ainda invicto, com 10 pontos, três a frente do próprio time paraguaio.

No primeiro tempo, o Alviverde teve como melhor lance um chute de longe do volante Gabriel Menino, aos 11 minutos, que o goleiro Gaspar Servio espalmou. Aos 29, a resposta do Guaraní veio com o atacante Fernando Fernández, que acertou a trave do goleiro Weverton. Na etapa final, os paraguaios aproveitaram um erro na saída de bola do Palmeiras e assustaram novamente, em um chute de primeira do volante Jorge Morel, que Weverton rebateu.

Pouco inspiradas, as equipes não criaram mais oportunidades e a partida se arrastou até o apito final. Destaque à atuação do zagueiro e capitão Gustavo Gómez, do Palmeiras, que bloqueou diversas tentativas de ataque do Guaraní.

O próximo compromisso do Palmeiras é pelo Brasileirão. Às 16h de domingo (30), a equipe mede forças com o Flamengo, no Allianz Parque. Já pela Libertadores, o Verdão joga na quarta-feira da próxima semana (30), às 19h15, contra o Bolívar, também em casa. Um empate garante o time paulista na próxima fase.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados