search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Eleitores fazem 977 denúncias contra candidatos no Estado. Veja como denunciar

Notícias

Publicidade | Anuncie

Eleições 2020

Eleitores fazem 977 denúncias contra candidatos no Estado. Veja como denunciar


Tribunal Regional Eleitoral no Estado (TRE-ES) recebe denúncias de irregularidades nas campanhas (Foto: Dayana Souza — 28/08/2018)
Tribunal Regional Eleitoral no Estado (TRE-ES) recebe denúncias de irregularidades nas campanhas (Foto: Dayana Souza — 28/08/2018)
O Tribunal Regional Eleitoral no Espírito Santo (TRE-ES) já recebeu, por parte de eleitores no sistema Pardal, 977 denúncias de irregularidades nas eleições municipais deste ano.

O levantamento abrange reclames feitos de 29 de setembro até esta quarta-feira (14) – um número alto para o período, segundo fontes da Corte.

Deste montante, 258 denúncias estão na capital, seguida por Vila Velha, com 117. O TRE-ES ainda não divulga um ranking dos tipos de denúncias, mas elas abrangem casos como propaganda irregular e compra de votos.

Essa quantidade vem na esteira de um número elevado de candidatos a prefeito – sobretudo em Vitória e Cariacica, com 14 – e vereador, com um número recorde de candidatos inscritos, 11.734.

Luciano Ceotto disse que o sistema é ferramenta poderosa contra a corrupção (Foto: Divulgação)
Luciano Ceotto disse que o sistema é ferramenta poderosa contra a corrupção (Foto: Divulgação)
O advogado eleitoral Marcelo Nunes lembra que parte das denúncias também estão margeadas por perseguições políticas. Por isso, as denúncias são encaminhadas ao Ministério Público Eleitoral, que verifica a veracidade do material apresentado.

Em caso de representação, ela é levada a um juiz eleitoral, que decide sobre eventuais penas. Essas denúncias ficam centralizadas nas comarcas eleitorais. Não se sabe ainda exatamente qual o andamento das checagens.

O advogado eleitoral Luciano Ceotto avalia que o Pardal é uma poderosa ferramenta de combate à corrupção eleitoral e aos abusos praticados por maus candidatos mas há, no entanto, uma ressalva.

“As denúncias devem ser acompanhadas de uma base empírica mínima para não assoberbar o MP e a Justiça com acusações que, em vez de servirem para punir condutas ilícitas, alertarão os infratores de que estão sendo monitorados e assim poderão adotar medidas de encobrimento de suas práticas nocivas”, pondera.


COMO DENUNCIAR


O Pardal é um sistema que permite ao eleitor informar a Justiça Eleitoral irregularidades e crimes eleitorais. Está disponível de graça para Android e iOS e também no www.tre-es.jus.br. O eleitor pode anexar vídeos e fotos na denúncia, que será analisada pelo Ministério Público Eleitoral.

Localidade / Número

Vitória - 258
Vila Velha - 117
Cariacica - 96
Serra - 69
Guarapari - 28
Viana - 26
Espírito Santo 977

Entrar no grupo do WhatsApp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna Online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados