X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Justiça barra candidatura na disputa pela prefeitura da Serra

| 23/10/2020 14:48 h | Atualizado em 23/10/2020, 23:28

O deputado estadual e postulante ao cargo de prefeito da Serra, Alexandre Xambinho (PL) teve sua candidatura indeferida (negada) nesta quinta-feira (22) pela Justiça Eleitoral, o que no momento o impede de disputar a eleição no município.

O motivo está relacionado à sua vice, Carla Xavier (Republicanos), que supostamente não teria prestado contas em 2018, quando foi candidata a deputada federal.

Juíza Gladys Henriques afirmou em sua decisão que o candidato  não foi escolhido para concorrer 
à eleição majoritária
Juíza Gladys Henriques afirmou em sua decisão que o candidato não foi escolhido para concorrer à eleição majoritária |  Foto: Beto Morais/ AT/ 18/05/2018
“Em relação ao registro de candidatura ao cargo de prefeito dos presentes autos, foram preenchidas todas as condições legais para o registro pleiteado e não houve impugnação. No entanto, conforme certificado pela serventia eleitoral o registro de candidatura ao cargo de vice-prefeito, vinculado a este (Xambinho) foi indeferido, tendo em vista a inobservância de um dos requisitos de elegibilidade previstos em lei”, sentenciou a juíza da 26ª Zona Eleitoral da Serra, Gladys Henriques Pinheiro.

Xambinho por sua vez disse que sua chapa está em processo de recurso, mas que o problema não foi na candidatura dele. “Os advogados estão tratando da situação, tomando as medidas. Quero reafirmar que sou candidato a prefeito e estamos no páreo”, afirmou.

A reportagem tentou ouvir o Republicanos, partido de Carla Xavier, mas não obteve retorno.

Xambinho é o segundo nome a ser indeferido no município. O primeiro foi do delegado da Polícia Federal, Márcio Greik (MDB).

No caso do delegado, a ação partiu do próprio MDB, que vive uma disputa interna de poder desde o início de 2019, entre os grupos dos ex-deputados federais Marcelino Fraga e Lelo Coimbra.

O MDB não registrou, oficialmente em convenção, a candidatura de Greik à prefeitura e formou coligação na candidatura de Vandinho Leite (PSDB). Greik, no entanto, fez um pedido de candidatura de forma individual.

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS