Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Preço da gasolina passa dos R$ 7

| 23/08/2021 15:56 h

Abastecimento em posto: valores  na Grande Vitória devem chegar a R$ 5,73, de acordo com  empresário
Abastecimento em posto: valores na Grande Vitória devem chegar a R$ 5,73, de acordo com empresário |  Foto: Leone Iglesias / AT — 18/02/2021

O preço do litro da gasolina comum já passa dos R$ 7 em pelo menos quatro estados brasileiros, segundo a pesquisa semanal de preços da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), realizada do domingo dia 15 até domingo (22).

De acordo com as pesquisas de preços, no Espírito Santo, o valor mais baixo do litro da gasolina custa R$ 5,79 e o mais alto, na casa de R$ 6,45. Isso para a gasolina comum. A gasolina especial ou premium já ultrapassa a casa dos R$ 7.

Para o motorista de aplicativo Antonio Gilmar dos Santos, que mora em Valparaíso, na Serra, com o valor praticado, só vale a pena rodar com o gás veicular.

“Se o carro em que eu trabalho não tivesse gás, não sei como faria para ir para rua todo dias. Está tudo aumentando, menos o salário. Vemos o governo falar que baixou o imposto para reduzir o valor do combustível, mas essa redução não chega aos postos”, desabafa.

No Rio de Janeiro, onde foram analisados 255 postos, o preço mais baixo encontrado foi de R$ 5,89 e o maior, de R$ 7,05 pelo litro. Na média, o carioca paga R$ 6,48 por cada litro da gasolina.

No Acre, a variação dos 39 estabelecimentos foi de R$ 6,19, valor podendo chegar a R$ 7,13.

Já o Rio Grande do Sul e Tocantins foram os locais onde os preços da gasolina estão mais caros, segundo pesquisa da ANP.

No Rio Grande do Sul, é possível encontrar o litro da gasolina de R$ 5,72 a R$ 7,18, dependendo do posto. Foram pesquisados 316.

Em Tocantins, houve a maior alta do País: o preço do litro da gasolina chega a R$ 7,36. O valor mínimo encontrado pela ANP no estado foi de R$ 5,75.
aumento

A Petrobras já subiu nove vezes o valor do litro da gasolina vendida nas refinarias neste ano, pressionada pela alta nos preços do petróleo no mercado internacional

Na bomba, o combustível já acumula alta de 28,21% no País. Essa elevação de preços acontece ao mesmo tempo em que o consumo interno e externo aumenta.

Com isso, a avaliação de especialistas é que o preço da gasolina deve continuar a subir nos próximos meses.

Ficamos felizes em tê-lo como nosso leitor! Assine para continuar aproveitando nossos conteúdos exclusivos: Assinar Já é assinante? Acesse para fazer login

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS