Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

PicPay agora cobra por transferência do auxílio emergencial e FGTS

| 15/10/2020 20:26 h | Atualizado em 15/10/2020, 20:40

Os usuários do PicPay passarão apagar uma taxa para utilização do cartão de débito virtual da Caixa Econômica Federal, utilizado para recebimento de benefícios como o Auxílio Emergencial (dado pelo Governo Federal por conta da pandemia do coronavírus) e o FGTS.

Para utilizar o valor pelo cartão de débito virtual, o usuário pagará uma taxa equivalente a 1,99% sobre o montante gasto. Já na utilização do saldo para pagamento de boletos, no entanto, a taxa continua isenta.

Na prática, o PicPay passa a adotar os mesmos critérios de outras empresas do segmento.

"Dada a situação emergencial imposta pela pandemia, o PicPay ofereceu gratuidade nas transações de auxílio emergencial por 5 meses - tanto por meio do cartão de débito da Caixa, quanto por boleto. A partir deste mês, o PicPay passa a cobrar apenas para a transferência por meio do cartão de débito, mas a gratuidade se mantém para quem utiliza a função boleto para o mesmo fim", explicou a empresa em nota.

Ficamos felizes em tê-lo como nosso leitor! Assine para continuar aproveitando nossos conteúdos exclusivos: Assinar Já é assinante? Acesse para fazer login

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS