X

Olá! Você atingiu o número máximo de leituras de nossas matérias especiais.

Para ganhar 90 dias de acesso gratuito para ler nosso conteúdo premium, basta preencher os campos abaixo.

Já possui conta?

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo

Economia

Multinacional do petróleo anuncia emprego e negócios

Norueguesa BW Energy apresentou plano de investimentos que deve superar R$ 5 bi até 2031 e revelou profissões que terão oportunidades


Imagem ilustrativa da imagem Multinacional do petróleo anuncia emprego e negócios
FPSO Cidade de Vitória tem previsão de conexão com mais dois poços até 2027: expectativa de estender vida útil |  Foto: Divulgação

Em busca de fornecedores e de mão de obra para ampliar a produção no Estado, a petroleira norueguesa BW Energy realizou ontem apresentação de seu plano de investimentos para o Polo Golfinho, localizado em alto-mar, na Bacia do Espírito Santo.

Com previsão de investir cerca de US$ 1 bilhão (cerca de R$ 5,13 bilhões) na exploração de seus ativos até 2031, a BW Energy destacou, ao longo do evento, a intenção de contratar tanto funcionários quanto fornecedores do Espírito Santo.

O encontro também contou com uma rodada de negócios entre a companhia e empresas fornecedoras da cadeia de suprimentos de óleo e gás. Ao longo do evento, a empresa expôs seus requisitos e expectativas para contratação.

“Queremos iniciar parcerias locais porque entendemos que seria mais fácil para atender nossa operação. A gente quer conversar com a indústria local e entender com o que podemos contar e ajudar a desenvolver em termos de mão de obra local. Queremos estimular a criação de empregos e ajudar a desenvolver o mercado local”, afirma a diretora de operações do Polo Golfinho da BW Energy, Sílvia Latorre.

O Polo Golfinho e o Polo Camarupim foram adquiridos pela multinacional no ano passado em negociação com a Petrobras. Especialistas estimam que a transação evitou cerca de 400 demissões e ainda deve criar em torno de 800 empregos para atuar no setor.

Sílvia Latorre também destacou que, desde o início da operação da empresa no Campo de Golfinho, iniciada no ano passado, a produção foi de em média 9.800 barris de óleo por dia. “O FPSO (navio-plataforma) Cidade de Vitória tem previsão de conexão de mais dois poços até 2027. Temos a expectativa de estender a vida útil dele até 2042”, enfatizou.

Segundo a gerente de capital humano da BW Energy, Ana Salles, o pensamento da empresa é desenvolver mão de obra local que, potencialmente, poderá atuar não só no FPSO Cidade de Vitória (no polo Golfinho) quanto no campo de Maromba, na bacia de Campos.

Vagas

Apesar de não divulgar número de vagas que devem ser abertas e nem quando haverá abertura de vagas, a BW Energy citou algumas das funções que devem ser visadas para atuar no FPSO.

Mecânicos, eletricistas, instrumentistas, técnicos de automação, técnicos em química, enfermeiros, marinheiros, caldeireiros, cozinheiros, taiferos, soldadores, escaladores, inspetores de equipamento e pintores industriais foram alguns dos cargos citados como necessários e que podem ter vagas abertas em breve.

As oportunidades deverão ser publicadas nos seguintes sites: apply.workable.com/bw-energy/ (onshore) e www.bwoffshore.com/working-with-us/vacancies/ (offshore).

MATÉRIAS RELACIONADAS:

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Leia os termos de uso

SUGERIMOS PARA VOCÊ: