X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Mais de 1 milhão no Estado vai receber lucros do FGTS

| 18/08/2021 15:36 h | Atualizado em 18/08/2021, 15:46

Imagem ilustrativa da imagem Mais de 1 milhão no Estado vai receber lucros do FGTS

Quem possui saldo em alguma conta do Fundo de Garantia e Tempo do Serviço (FGTS) vai receber um dinheiro extra no final deste mês. É que o Conselho Curador aprovou ontem a porcentagem da distribuição de todo o lucro do ano passado.

No Estado, cerca de 1,2 milhão de pessoas vão ver crescer o seu saldo no FGTS. O valor aprovado pelo Conselho foi de R$ 8,1 bilhões, o que equivale a 96% do lucro obtido no ano, de R$ 8,5 bilhões.

De acordo com informações do Ministério da Economia, a distribuição de resultados alcançará 191,2 milhões de contas vinculadas. Ao todo, essas contas acumulavam um saldo de R$ 436,2 bilhões ao final de 2020.

Mário Avelino, presidente do Instituto Fundo de Garantia do Trabalhador, afirmou que a distribuição de lucros não muda as regras existentes para saque.

“O dinheiro será creditado nas contas do trabalhador, nas ativas e nas inativas. Mas ele não poderá sacar de imediato. Só poderá usar o dinheiro nas circunstâncias permitidas pela lei, como aposentadoria, compra de imóvel, demissão sem justa causa, tratamento de doenças e outras”, explicou.

Quanto maior for o saldo que o trabalhador tiver na conta, maior será o lucro que vai receber no dia 31 de agosto. “Tem gente que vai receber R$ 1, mas tem trabalhador que vai receber R$ 4 mil. Em todo o País, cerca de 60 milhões de pessoas vão receber, e como o Espírito Santo representa 2% da mão de obra, serão 1,2 milhão”, disse.

Segundo Avelino, para saber quanto receberá do lucro, o trabalhador deve multiplicar o saldo da conta no dia 31 de dezembro do ano passado por 0,01863517. Portanto, para cada R$ 1.000 que o trabalhador tinha na conta no final de 2020, serão pagos R$ 18,63.

Na tabela ao lado, é possível ver algumas simulações feitas por especialistas. Para o economista Marcelo Loyola Fraga, a distribuição dos lucros do Fundo é importante para melhorar a renda de quem já puder sacar o valor.

“As famílias poderão quitar dívidas acumuladas durante a pandemia, causadas principalmente pelo desemprego e pela queda na renda. Parte disso pode ir para o consumo de bens essenciais, aumentando de uma vez por todas a produção”.


Repasse ao trabalhador é feito desde 2017


Distribuição do lucro

  • Trabalhadores com saldo na conta do FGTS em 31 de dezembro de 2020 vão receber até o final deste mês uma porcentagem do lucro obtido pelo Fundo no ano passado, calculado em R$ 8,5 bilhões.
  • O Conselho Curador definiu que o pagamento será de 96%, o que equivale a R$ 8,1 bilhões.
  • O valor do repasse será creditado pela Caixa até 31 de agosto na conta do FGTS do trabalhador.
  • O repasse de parte dos lucros do FGTS aos trabalhadores é feito desde 2017, aumentando o rendimento dos valores depositados no Fundo.
  • Por lei, o FGTS tem rendimento de 3% ao ano mais TR (Taxa Referencial), que está zerada.

Saque

  • As regras de saque do FGTS valem também para o pagamento do lucro.
  • O trabalhador poderá sacar o dinheiro em caso de:
  • Aposentadoria, idade igual ou superior a 70 anos, trabalhador demitido sem justa causa, término no contrato por prazo determinado, trabalhador que está há três anos seguidos sem carteira assinada, rescisão por falência, morte do empregador individual, empregador doméstico ou nulidade do contrato.
  • O saque também poderá acontecer nos casos de rescisão do contrato por culpa recíproca ou força maior, falecimento do trabalhador, trabalhador portador de HIV, trabalhador ou dependente com neoplasia maligna, estágio terminal em decorrência de doença grave (trabalhador ou dependente) e pagamento de imóvel.
  • Ainda é possível colocar a mão no dinheiro em caso de necessidade pessoal, urgente e grave, decorrente de desastre natural causado por chuvas ou inundações que tenham atingido a área de residência do trabalhador, quando houver situação de emergência ou o estado de calamidade pública.

Como calcular

  • O trabalhador que deseja calcular a quantia que terá direito a receber, deve, primeiro, observar o saldo que possuía na conta em 31 de dezembro de 2020.
  • ele pode olhar o saldo das seguintes maneiras: pelo aplicativo FGTS no celular, em alguma agência da Caixa (levando consigo o CPF e NIS/PIS), pelo site www.fgts.gov.br, por carta, por SMS ou e-mail cadastrando o celular e o e-mail na Caixa.
  • o trabalhador deverá multiplicar o saldo por 0,01863517. O rendimento garante incremento de R$ 18,63 a cada R$ 1.000 de saldo.
  • Por exemplo, se o trabalhador tinha R$ 2.000 no final de 2020, ele receberá R$ 37,28.

Simulações

Saldo em 31/12/2020                               Valor a ser creditado até o dia 31/08/2021 nas contas

R$ 1.000,00                                              R$ 18,64
R$ 2.000,00                                              R$ 37,28
R$ 3.000,00                                              R$ 55,92
R$ 4.000,00                                              R$ 74,56
R$ 5.000,00                                              R$ 93,20
R$ 10.000,00                                            R$ 186,40
R$ 20.000,00                                            R$ 372,80
R$ 100.000,00                                          R$ 1.864,00

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em nosso grupo do Telegram

MATÉRIAS RELACIONADAS