X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Governador cobra da Petrobras explicação sobre projetos para o Estado

| 17/10/2020 14:15 h

Após a Petrobras anunciar o adiamento da implantação do Projeto Integrado do Parque das Baleias, que previa a criação de pelo menos 300 empregos diretos no Espírito Santo, o governador Renato Casagrande cobrou explicações sobre os planos da empresa.

“A decisão da Petrobras de adiar mais uma vez os investimentos no Parque das Baleias, no sul do ES, e a ociosidade das instalações aqui existentes, seja na exploração do óleo e no tratamento do gás, precisa de uma explicação clara de quais são planos da empresa para nosso Estado”, escreveu o governador nas redes sociais no começo da tarde deste sábado (17).

Imagem ilustrativa da imagem Governador cobra da Petrobras explicação sobre projetos para o Estado

A empresa alegou que a decisão foi tomada "em virtude do contexto econômico frente a pandemia de covid-19". O projeto foi postergado em cerca de um ano.

"Com a postergação, a Petrobras cancelou a licitação de afretamento de plataforma para atender o projeto e autorizou o início de um novo processo licitatório", informou a estatal em nota.

"O investimento será acima de R$ 5 bilhões. Só de empregos diretos, serão 300 profissionais, que ficarão embarcados e serão altamente especializados. Como o salário deles será alto, é algo que permitirá ao Estado fomentar sua economia, em algumas regiões, já que parte deles poderá vir morar no Estado", disse o analista do Fórum Capixaba de Petróleo e Gás da Federação das Indústrias do Estado (Findes), Elimar Lorenzon, ao jornal A Tribuna em setembro.
 

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS