X

Olá! Você atingiu o número máximo de leituras de nossas matérias especiais.

Para ganhar 90 dias de acesso gratuito para ler nosso conteúdo premium, basta preencher os campos abaixo.

Já possui conta?

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo

Economia

Estrangeiros vão construir usina pra tratar esgoto de Vitória

Investimento estimado é de R$ 240 milhões


Imagem ilustrativa da imagem Estrangeiros vão construir usina pra tratar esgoto de Vitória
Estação de esgoto de Camburi |  Foto: Leone Iglesias/ AT

O governador Renato Casagrande, assinou nesta semana a ordem de início dos serviços de construção, operação e manutenção de estação de tratamento de efluentes sanitários e fornecimento de água de reúso em Vitória.

A solenidade aconteceu durante o painel ES Day, que faz parte da programação da edição internacional do evento Brazilian Regional Markets (BRM), promovido pela Apex e EQI Investimento e que acontece em Nova Iorque, nos Estados Unidos.

O acordo firmado entre o governo do Estado, por meio da Companhia Espírito-santense de Saneamento (Cesan), e o consórcio multinacional GS Inima, tem investimento estimado de R$ 240 milhões.

A empresa foi a vencedora do leilão, realizado pela Companhia na B3, em São Paulo, e começará a operar daqui a 24 meses.

O projeto prevê a construção de uma Estação de Produção de Água de Reúso (EPAR) com capacidade de transformar 300 litros por segundo de esgoto sanitário em água de reúso para fim industrial.

O efluente tratado será bombeado de Camburi, em Vitória, até o Polo Industrial no município da Serra. O prazo de contrato é de 30 anos. No acordo, a ArcelorMittal Tubarão se compromete a adquirir 200 litros por segundo.

A ação beneficiará moradores dos bairros da zona norte da capital Vitória, além de seis bairros da Serra: Hélio Ferraz, Manoel Plaza, Rosário de Fátima, Eurico Salles, Carapina I e Bairro de Fátima.

O presidente da Cesan, Munir Abud, aproveitou o evento para apresentar as oportunidades de investimento para os mercados nacional e internacional.

“Em outubro, vamos realizar a maior PPP da história do Espírito Santo no valor de R$ 7 bilhões e que vai permitir a universalização do saneamento. Estamos desenhando uma PPP de água de reuso para a Vale, que é algo extremamente sustentável. Segundo o Instituto Trata Brasil, esses investimentos vão gerar cerca de 20 mil empregos no Estado, além de elevar o IDH e incentivar o turismo”, afirmou.

MATÉRIAS RELACIONADAS:

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Leia os termos de uso

SUGERIMOS PARA VOCÊ: