search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Dormir mal engorda!
Nutridicas
Gabriela Rebello

Gabriela Rebello


Dormir mal engorda!

 (Foto: Freepik.com) (Foto: Freepik.com)

Vamos direto ao ponto, você está apresentando alguns desses sinais: fadiga diurna e dificuldade de evoluir nos treinos; irritabilidade, humor depressivo e ansiedade; dificuldade de se concentrar e de aprender coisas novas e aumento do apetite no período noturno?

Se sim, me responda: Como tem sido as suas noites de sono?

Geralmente, após pequenos momentos de privação de sono o corpo volta ao equilíbrio. Mas quando você constantemente dorme mal, o corpo responde com excesso de cortisol e níveis bem reduzidos de melatonina, leptina e grelina o que pode dificultar significativamente diversas funções vitais e não somente a busca de um boa composição corporal.

Para melhorar a qualidade do sono, inclua na sua rotina alimentar: semente de girassol, cogumelo, aves, peixes, abacate, semente de gergelim, amendoim, kiwi, goiaba, morango, laranja, abacaxi, chocolate amargo, legumes, nozes, sementes, azeite de oliva, Chá oolong e Tulsi, cúrcuma, erva cidreira, raiz de alcaçuz e cordyceps.

Associe aos alimentos adequados um estilo de vida saudável, pratique uma atividade física regular, evite o álcool e o fumo e inclua no seu dia a dia técnicas de respiração, yoga, higiene do sono e meditação, por exemplo.

Lembre-se, seu corpo precisa de descanso, de uma boa noite de sono, assim como precisa de ar e comida para funcionar da melhor forma. Durante o sono, o corpo restaura o equilíbrio químico e metabólico. Seu cérebro cria novas conexões e ajuda na retenção da memória. Cuide-se!