search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Dominó
Painel da Folha de São Paulo

Dominó

A decisão do TSE de cassar 6 vereadores no Piauí por terem fraudado a cota para candidaturas femininas tende a gerar um efeito cascata em diversos estados e na Câmara. Considerada por especialistas em direito eleitoral um recado forte da corte, deve levar juízes de instâncias inferiores a adotar o mesmo entendimento.

O PSL, acusado de preencher a cota de 30% de mulheres com laranjas, pode perder 6 deputados em MG e 1 em PE, o presidente do partido, Luciano Bivar.

Agora ou nunca - Há casos de vereadores cassados por fraude nas cotas por todo o país, mas pendentes de decisão do TSE. Só no estado de SP, são sete ações do tipo. "A corte superior sinalizou que não é possível admitir fraude na participação das mulheres na política", diz o procurador regional eleitoral substituto de São Paulo, Pedro Barbosa.

Pega geral - A cassação de mandatos não é automática e será avaliada caso a caso, mas já revolta possíveis afetados. "Eu ralei para me eleger e posso ser prejudicado por eventual canalhice de alguma liderança do partido", diz Junio Amaral (PSL-MG).

Prato que comeu - Em audiências com deputados, Luiz Eduardo Ramos (Secretaria de Governo) criticou duramente seu colega Onyx Lorenzoni (Casa Civil). Disse que Onyx fez lambança e errou na distribuição de cargos e de emendas, sem garantia de verba para pagá-las.

Entrelinhas - Ramos teria pedido a Jair Bolsonaro a demissão de um indicado pelo DEM para a Codevasf, o que foi negado para não piorar a relação com o Congresso.

Sem salvação - Joice Hasselmann (PSL-SP), líder do governo no Congresso, também não escapou das críticas de Ramos, que disse querer dar mais protagonismo ao líder na Câmara, Major Vitor Hugo (PSL-GO). Mudanças na articulação, por ora, não surtiram efeito. Deputados afirmam que não há clima para tocar a PEC paralela da Previdência que virá do Senado.

Adendos - O grupo de trabalho que analisa o pacote anticrime do ministro Sergio Moro deve aprovar nesta quinta-feira (19) emenda do deputado Marcelo Freixo (PSOL-RJ) para que o crime de milícia passe a ser julgado pela Justiça Federal. Também deve ser incluído no pacote a criação do chamado juiz de garantia, que é responsável pela instrução do processo.

Fica a dica - A decisão do Senado de rejeitar a indicação de dois membros do Conselho Nacional do Ministério Público considerados lavajatistas foi vista como uma vitória pela ala do colegiado que prega punições a Deltan Dallagnol

Fica a dica 2 - A recusa na recondução de Lauro Machado Cardoso, do MP de Goiás, e Demerval Farias, do DF, foi lida como reação dos parlamentares ao corporativismo do conselho e, sobretudo, à inércia do colegiado diante do que consideram excessos na conduta de Dallagnol.

Pressão - A liderança da Minoria na Câmara lança nesta quinta (19) uma campanha pela instalação da CPI da Vaza Jato. Participam nomes como Guta Stresser, Hildegard Angel e Leoni, além de outros artistas, advogados e jornalistas.

Palco - Pivô do racha no bolsonarismo ao defender a CPI da Lava Toga, o youtuber Nando Moura é um dos palestrantes do CPAC, evento conservador que ocorre em SP em outubro. O encontro foi trazido ao Brasil por Eduardo Bolsonaro.

Baixaria 1 - O deputado estadual Bartô, do Novo de MG, fez insinuações de cunho sexual contra a assessora política Marcela Trópia durante uma discussão num grupo de WhatsApp do partido. "Conheço seu perfil de longe... Vc furou camisinha? É verdade isso?", disse o parlamentar.

Baixaria 2 - O entrevero, ocorrido em 18 de agosto, havia começado como uma discussão sobre supostas preferências esquerdistas de Trópia, filiada ao Novo. "Estão questionando meu caráter, destruindo a moral de uma pessoa", afirma ela, que comunicou o fato às direções municipal e estadual do partido.

Baixaria 3 - Em nota, Bartô chamou os ataques de "chumbo trocado" e disse que a assessora usa sua condição de mulher para aparentar fragilidade. Procurado, ele não comentou a frase sexista.

TIROTEIO

"É uma combinação esdrúxula. Mais dinheiro, menos controle. Uma punhalada nas costas dos cidadãos brasileiros."

Do senador Jorge Kajuru (Cidadania-GO) sobre projeto da Câmara que afrouxava regras eleitorais aos partidos a partir de 2020.

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora
esqueceu a senha?

últimas dessa coluna


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Sinuca

Pivô da crise entre Sergio Moro e Jair Bolsonaro, a Polícia Federal se encontra em uma situação delicada. Com a responsabilidade de apurar as acusações do ex-ministro da Justiça, a PF se vê em risco …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Dupla dinâmica

Os ataques de Jair Bolsonaro ao STF têm na mira principalmente dois ministros, Alexandre de Moraes e Celso de Mello, que o Presidente elegeu como inimigos próprios. Ontem, Bolsonaro compartilhou um …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Em série

Além de mostrar a tentativa de interferência indevida na Polícia Federal para proteger amigos e família, a reunião ministerial revelou ação semelhante de Jair Bolsonaro no Iphan, responsável por …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Inteligência

A declaração de Jair Bolsonaro, dada na sexta (22) à rádio Jovem Pan, para tentar justificar o que seria seu sistema particular de informações foi considerada um tiro no pé por advogados criminalista…


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

De onde veio

Virou mistério para integrantes do Ministério da Saúde o responsável pela nomeação de Zoser Hardman de Araújo para o cargo de assessor especial do ministro. Causou mais estranheza o fato de ele ser …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Ritmo de festa

Um dos nove militares nomeados por Jair Bolsonaro para o Ministério da Saúde na terça-feira, Giovani Camarão, futuro coordenador de Finanças do Fundo Nacional de Saúde, publicou foto nas redes …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Prorrogação

As novas declarações do delegado Carlos Henrique Oliveira, diretor-executivo da Polícia Federal, foram recebidas como duro golpe nas versões de Alexandre Ramagem e Jair Bolsonaro no inquérito que …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Nada com isso

Em conversas com delegados, ontem, Alexandre Ramagem, diretor da Abin, se mostrou irritado em ver seu nome ligado ao caso do vazamento da operação Furna da Onça à família Bolsonaro e afirmou não ter …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Causa e consequência

Procuradores e ministros de tribunais superiores avaliam que o relato de Paulo Marinho à Folha, sobre o vazamento de uma investigação da Polícia Federal ao senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ), …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Tem mais

A resistência que Jair Bolsonaro encontrou no ex-ministro Nelson Teich (Saúde) à ampliação do uso da cloroquina para quadros leves do coronavírus é ecoada pelos secretários estaduais da área, que se …


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados