search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Djokovic estreia contra boliviano, e brasileiros dão azar no sorteio do tênis na Olimpíada
Tokyo 2020

Jogos Olímpicos

Publicidade | Anuncie

Olimpíadas

Djokovic estreia contra boliviano, e brasileiros dão azar no sorteio do tênis na Olimpíada


 (Foto: Reprodução Instagram) (Foto: Reprodução Instagram)

Fortes candidatos ao ouro como Novak Djokovic e Ashleigh Barty, atuais líderes dos rankings mundiais, não terão estreias tão complicadas nos Jogos Olímpicos de Tóquio. O sorteio das chaves do tênis, realizado nesta quinta-feira, colocou o sérvio diante do boliviano Hugo Dellien, número 139 do mundo, enquanto a australiana vai encarar a espanhola Sara Sorribes Tormo, 48ª do ranking.

Os brasileiros, por outro lado, não deram tanta sorte. Ou melhor, não deram nenhuma sorte por enquanto. Nas simples, o número 1 do país, Thiago Monteiro, vai encarar na primeira rodada o alemão Jan-Lennard Struff, 48 do ranking. Caso vença, o cearense deve encarar Djokovic na segunda rodada. O outro simplista brasileiro em Tóquio, João Menezes (217º), vai estrear contra o croata ex-top 5 Marin Cilic (atual 36º), campeão do US Open de 2014.

Nas duplas masculinas, a situação é ainda mais dura. Depois de perder Bruno Soares como parceiro, Marcelo Melo, que agora atuará ao lado do gaúcho Marcelo Demoliner, vai estrear contra os croatas Mate Pavic e Nikola Mektic, números 1 e 2 do mundo, respectivamente. Juntos, Pavic e Mektic venceram oito torneios em 2021, incluindo Wimbledon, que terminou há pouco mais de uma semana.

Nas duplas femininas, outra pedreira: Luisa Stefani e Laura Pigossi terão pela frente logo de cara as canadenses Gabriela Dabrowski e Sharon Fichman, cabeças de chave 7 da competição. Se vencerem, podem pegar na segunda rodada as tchecas Karolina Pliskova e Marketa Vondrousova. A chave de duplas mistas, na qual Stefani atuará ao lado de Melo, ainda não foi sorteada.

OSAKA SE DÁ BEM

Na chave feminina, Naomi Osaka também se deu bem. A número 2 do mundo e atual campeã do US Open e do Australian Open vai estrear contra a chinesa Saisai Zheng (52º) e deve ter um caminho relativamente tranquilo até as quartas de final.

A chave masculina tem alguns duelos duros já na primeira rodada. O atual bicampeão olímpico em simples, Andy Murray (104º), vai estrear contra o canadense Félix Auger-Aliassime (15º), enquanto o grego Stefanos Tsitsipas (4º) vai enfrentar o perigoso alemão Philipp Kohlschreiber, ex-top 20 e atual 112. O jogo mais esperado da fase inicial, porém, deve ser o duelo entre o japonês Kei Nishikori (69º), ex-top 10, e o russo Andrey Rublev (7º).