search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Dilma quer bolada milionária da comissão de anistia
Cláudio Humberto
Cláudio Humberto

Cláudio Humberto


Dilma quer bolada milionária da comissão de anistia

A ex-presidente cassada Dilma Rousseff tenta arrancar da Comissão de Anistia do Ministério da Justiça “reparação” por haver pedido demissão do “cargo” de estagiária e de assistente técnica da Fundação de Economia e Estatística do Rio Grande do Sul, em 1977.

Ela diz ter sido “pressionada verbalmente” a se demitir e agora exige que o País a sustente com R$ 10.735 por mês, para sempre, com efeito “retroativo”. Se for desde 1970 como ela pede, a bolada será lotérica: R$ 6,44 milhões.

Fonte inesgotável
Dilma, a insaciável, já foi indenizada como “perseguida” em quatro estados: Rio Grande do Sul, Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo.

Já foi beneficiada
Em 1990, Dilma foi “reintegrada” pelo governo gaúcho na FEE-RS a contar desde 1975 até a “demissão a pedido” em outubro de 2016.

Inconsistente
Dilma alega que foi “instada a demitir-se” por “motivos políticos”. Mas admite: ela própria pediu demissão por escrito.

Já rejeitou centenas
A decisão final sobre a pensão exigida por Dilma será da ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves.

Eleições ainda estão abertas em 23 municípios
A disputa pela prefeitura está aberta em 23 municípios devido aos vencedores terem recebido menos um terço dos votos válidos no 1º turno, ou pela diferença de menos de 5% entre os dois candidatos. A situação é observada em oito capitais, incluindo maior colégio eleitoral do País, São Paulo; e Maceió, que tem a menor diferença, só 0,31%. Há casos em que ambos tiveram menos de 20% ou mais de 45% dos votos.

Muito voto na disputa
Em Maceió, Gaspar (MDB) teve 28,8% e JHC (PSB) 28,5%. Cariacica teve Euclerio Sampaio (DEM) com 18,8% e Celia Tavares (PT) 14%.

Quase levaram
Em Vitória da Conquista, os dois candidatos poderiam ter sido eleitos no 1º turno. Zé Raimundo (PT) teve 47,6% e Herzen Gusmão (MDB) 45,8%.

Os opostos
Dos 114 candidatos ainda na disputa, 15 são do PT, 14 do PSDB e 13 do MDB. Do outro lado, PCdoB, Novo, PP e Rede têm apenas um cada.

O vexame do dia no TSE
A área de tecnologia do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) continua dando vexame. O site do tribunal, além de mal feito e confuso, é lento. Ontem, os institutos não conseguiram registrar suas pesquisas.

Fundão vergonhoso
Presidente nacional do DEM, que elegeu (por enquanto) 670 prefeitos, ACM Neto acha que “está tudo errado” no financiamento eleitoral com recursos públicos. “Esse sistema está falido”, diz ele, para quem é preciso retomar o debate sobre financiamento privado, mas com limite.

À beira de um ataque
O presidente do Senado, Davi Alcolumbre, ficou ainda mais nervoso após a derrota de sua candidata em Oiapoque, e por três votos. Em queda nas pesquisas, seu irmão Josiel disputa a prefeitura de Macapá.

Alô, ANS!
Após quatro horas ao telefone explicando ao “teleatendimento” da Cassi os sintomas que ela, filhos e marido enfrentam, uma cliente teve teste de Covid aprovado apenas para ela. Marido e filhos precisam ligar de novo.

Conversa produtiva
A Rede Governança Brasil fará um webinar na segunda. Advogado Luiz Piauhylino Filho e o embaixador da organização, ministro Augusto Nardes (TCU), falarão sobre desenvolvimento e energias renováveis.

Dia de debates
A TV Band realiza os primeiros debates do segundo turno em 11 cidades, hoje, às 22h30, sendo cinco em São Paulo, incluindo a capital, e em Belém, João Pessoa, Manaus, Porto Alegre, Uberaba e Rio.

Pensando bem...
...para o STF, traficante condenado em segunda instância pode ser solto, já jornalistas que falam mal do Supremo...

Pior que estocar vento
Como professor de Matemática, Guilherme Boulos entende é de invadir propriedades alheias. Ele propõe inchar a máquina pública, contratando mais gente, como “solução” para equilibrar contas da Previdência. Está precisando voltar a estudar operações básicas de somar e multiplicar.

Poder sem pudor

Bengalada catarinense
Chamado pela colega Ideli Salvatti (PT-SP) de “senador da bengalinha”, o tucano Leonel Pavan (SC) ficou indignado com o desrespeito às sequelas de uma cirurgia na perna direita, quatro anos antes, e deu o troco: “Eu acompanhei a recuperação médica da senadora com a coleira cervical e nem por isso a chamei de “senadora da coleira” ou “do cabresto”.”

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora
esqueceu a senha?

últimas dessa coluna


Exclusivo
Cláudio Humberto

Maioria espera vacina só daqui a quatro meses

Levantamento do instituto Paraná Pesquisa realizado em todo o País para o site Diário do Poder e esta coluna, revela um certo ceticismo dos brasileiros em relação à vacinação em prazo curto. A …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Brasileiro se elogia, na Covid, e critica os outros

Levantamento nacional exclusivo do Paraná Pesquisa para o site Diário do Poder e para esta coluna revela que o brasileiro, em média, dá nota 7,7 (de 10) para o próprio comportamento em relação à …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Procura-se porta-voz. Tratar no Palácio do Planalto

O presidente Jair Bolsonaro considera nomear um porta-voz. Dois anos depois, a área de comunicação do governo continua à deriva. O chefe do governo não tem assessor de imprensa que dê a cara e a …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Maia fez 882 voos pela FAB, sendo 25 desde dezembro

O presidente Bolsonaro denunciou o uso abusivo de aviões da Força Aérea Brasileira (FAB) ao acusar o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, de usar jatinhos na campanha em favor do seu candidato à …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Dinheiro público em termelétrica é herança do PT

O investimento de R$ 3,9 bilhões do BNDES em uma termelétrica no Rio de Janeiro é consequência da “demonização das hidrelétricas” promovida durante os governos do PT, segundo relator do marco …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Perde fôlego a candidatura de Tebet no Senado

Começa a fazer água a candidatura de Simone Tebet (MDB-MS) à presidência do Senado. Escolhida pelos colegas de bancada em razão de suposta garantia de voto de senadores de diversos partidos e até de …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Maia quer aglomerar 3 mil em eleição presencial

O ainda presidente da Câmara, Rodrigo Maia, continua com a estranha insistência de eleição presencial da nova Mesa Diretora, em local fechado, apesar da pandemia de coronavírus. Os 513 deputados, …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Covid-19 castiga o Brasil, mas devasta europeus

O noticiário brasileiro faz parecer que o caos está instalado com a segunda onda de infecções por Covid-19, mas o Brasil ainda está bem melhor que países europeus desenvolvidos como Alemanha e Reino …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Simone buscará reverter 5 ou 6 votos de Pacheco

Os senadores do MDB estimam que a reversão de cinco a seis votos prometidos a Rodrigo Pacheco, candidato apoiado pelo PT, garantirá a vitória de Simone Tebet (MS) na disputa pela presidência do …


Exclusivo
Cláudio Humberto

PT acusado de desfigurar a lei da improbidade

O substitutivo apresentado pelo relator deputado Carlos Zarattini (PT-SP) para alterar a Lei de Improbidade Administrativa (LIA) é considerado uma “afronta aos brasileiros” pelo autor do projeto …


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados