search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Desoneração da folha de pagamento é obrigação
Tribuna Livre

Desoneração da folha de pagamento é obrigação

De 2019 para cá, algumas grandes empresas têm fechado suas portas no Brasil. É o caso da Sony, que confirmou que fechará sua fábrica de eletroeletrônicos em Manaus, e da Ford, que desde o ano passado encerrou as atividades em São Bernardo do Campo, deixando cerca de 2.800 pessoas desempregadas. Entre essas e outras indústrias de diferentes tamanhos e segmentos, algo em comum: as altas cargas tributárias e o alto custo de contratação.

Infelizmente, ainda hoje, alguns setores do governo federal não assimilaram a real importância da desoneração da folha de pagamentos.

Em um país com 13 milhões de desempregados, onerar a folha de pagamento é um terrível contrassenso, além de estimular subemprego e informalidade.

Ao eliminar ou substituir a tributação sobre folha de pagamento, contribui-se para a melhora da competitividade do setor produtivo e, principalmente, para ampliação dos postos de trabalho.

Esse tipo de solução fiscal se faz necessária, notadamente em relação aos setores intensivos em mão de obra, uma vez que o Brasil conta com a maior carga tributária sobre folha de salários de toda a América Latina, de acordo com a OCDE.

Além disso, chama a atenção o fato da publicação "Global Competitiveness Report" de 2018 ter ranqueado o País em último lugar no quesito "efeitos da tributação nos incentivos ao trabalho", entre 137 países analisados.

O Congresso Nacional, que pelas mãos de seu presidente vem adiando a derrubada do veto do presidente da República à prorrogação da desoneração, coloca em compasso de espera importantes investimentos e causa insegurança econômica e jurídica a 17 setores econômicos que empregam mais de 6 milhões de brasileiros, deixando nítido o deslocamento da vida política ao dia a dia do Brasil.

Não há justificativa plausível para manter o veto, pois a Constituição Federal permite que as alíquotas de contribuições previdenciárias sejam diferenciadas em razão da atividade econômica, da utilização intensiva de mão de obra, do porte da empresa ou da condição estrutural do mercado de trabalho, assim como prevê que as desonerações anteriores a 2019 podem ser mantidas.

Além disso, MP
Nº 936/2020, convertida na Lei 14.020/2020, dispõe sobre a elevação da alíquota da Cofins-Importação em 1% até 31/12/2021, como medida compensatória reclamada pela Lei de Responsabilidade Fiscal.

Ao mesmo tempo, não há qualquer óbice para que a prorrogação da desoneração seja contemplada no orçamento para 2021.

Portanto, fundamentos econômicos, sociais e legais para rejeitar o veto presidencial não faltam ao Congresso; talvez senso crítico ao responsável pela pauta, sim.

Samir Nemer é advogado tributarista.

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora
esqueceu a senha?

últimas dessa coluna


Exclusivo
Tribuna Livre

A escola de educação infantil e a pandemia do novo coronavírus

A quarentena e, consequentemente, o isolamento social, afetaram diversos setores, entre eles o educacional, seja a rede pública – município, estado e União – ou privada. Nesse contexto, vimos nossas …


Exclusivo
Tribuna Livre

A pandemia do novo coronavírus, o trânsito e a coletividade

Muito se fala sobre as lições que a pandemia nos trouxe e, de fato, tanta dor, sofrimento e incerteza permitem uma série de reflexões sobre nosso comportamento como indivíduos e como sociedade. …


Exclusivo
Tribuna Livre

Novembro Azul: evolução no combate ao câncer de próstata

Sociedades de Urologia pelo mundo afora recomendam a realização de exames para detecção precoce do câncer de próstata e, no mês de novembro, nós lembramos a comunidade da importância disso. A …


Exclusivo
Tribuna Livre

A pandemia e a violência contra a mulher no Brasil

Os “16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra as Mulheres” começa na próxima quarta-feira (dia 25), quando se comemora o Dia Internacional para a Eliminação da Violência contra as Mulheres, e …


Exclusivo
Tribuna Livre

Prioridades para novos gestores vão além de apenas administrar

A disputa eleitoral já passou, portanto, sabemos temos definida parte dos próximos gestores municipais. Como faz parte do jogo democrático alguns ganham e outros perdem, que essa lógica seja …


Exclusivo
Tribuna Livre

No mês da Consciência Negra, Palmares não pode negar Zumbi

Interminável ano de 2020. Nem o maior dos incrédulos, poderia imaginar que depois dos “anos de chumbo”, estaríamos vivenciando tempos tão difíceis. Tentativas, após tentativas, de se desconstruir os …


Exclusivo
Tribuna Livre

Afinal, na tragédia das marquises, de quem é a responsabilidade?

Não raro, acompanhamos pela imprensa a ruptura de edificações. Recentemente foi a vez do rompimento e queda, sobre logradouro público, de uma estrutura próxima a Praça Oito, local onde circulam …


Exclusivo
Tribuna Livre

A Lei Geral de Proteção de Dados e as informações de passageiros

Muito se tem falado sobre a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), sancionada em 2018 pelo então presidente Michel Temer, que passou a vigorar em 18 de setembro deste ano. A lei se pauta nos direitos …


Exclusivo
Tribuna Livre

Espírito Santo entre os estados que mais importam no País

Ao longo dos últimos anos a receita de ICMS advinda da importação de mercadorias através dos portos e aeroporto do Estado vem crescendo e tendo grande relevância para as políticas públicas do …


Exclusivo
Tribuna Livre

A necessidade de prevenção para evitar ataques cibernéticos

Na semana passada o Brasil foi vítima do que tem sido considerado por muitos especialistas como o maior ataque hacker de sua história. Absolutamente todos os dados e documentos do Superior Tribunal …


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados