search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Cursos para disputar emprego em grandes empresas após a pandemia

Notícias

Publicidade | Anuncie

Economia

Cursos para disputar emprego em grandes empresas após a pandemia


Trabalhar em uma grande empresa é o sonho de muita gente. Mas para realizá-lo é preciso estar preparado para enfrentar um mercado de trabalho cada vez mais competitivo.

Por esse motivo, a reportagem de A Tribuna ouviu especialistas em gestão de pessoas e carreiras para saber quais são os cursos que abrem caminho para conquistar a tão sonhada vaga de emprego.

Entre eles foram apontados técnico em logística, graduação em Gestão de Negócios Digitais e E-commerce, além de especialização em segurança da informação e em gerenciamento de projetos.

Mesmo com a crise econômica provocada pelo surgimento do novo coronavírus (Covid-19), grandes empresas estão conseguindo manter seus projetos no Espírito Santo e serão fontes de oportunidade de emprego logo após a pandemia.

Samarco está em preparação para voltar a funcionar no final de 2020. Mil vagas em terceirizadas serão criadas. (Foto: Jefferson Rocio/Divulgação)
Samarco está em preparação para voltar a funcionar no final de 2020. Mil vagas em terceirizadas serão criadas. (Foto: Jefferson Rocio/Divulgação)

Um exemplo é a multinacional Suzano que vai manter o investimento de R$ 272,4 milhões na modernização da fábrica de Aracruz, além de ampliar sua base florestal, com investimento de R$ 530 milhões. Empreitadas que devem criar 600 vagas de emprego.

Prefeito de Aracruz, Jones Cavaglieri lembrou que também será construído o empreendimento Logística Imetame Porto, que vai criar vagas de emprego na cidade, assim como o estaleiro Jurong.

A Vale informou que está mantendo obras e projetos essenciais, e a Samarco afirmou que a previsão de retomada operacional em Anchieta está mantida para o final de 2020. Com o retorno, especialistas calculam que sejam criadas mil vagas em terceirizadas.

Vice-presidente da Associação Brasileira de Recursos Humanos (ABRH-ES), Neidy Christo destacou que o mercado é altamente competitivo e lembrou que quem está em busca de um emprego não pode ficar parado na quarentena. “Para se manter no mercado, capacitação é uma obrigatoriedade”.

Entre os cursos que podem ajudar ela citou técnico em logística. Para quem já fez graduação, ela destacou especialização em cibersegurança, Big Data e gestão empresarial.

Para o gerente de Inteligência de Mercado do Senai-ES e do Sesi-ES, Flávio Gustavo Rodrigues, o ideal agora é buscar os cursos a distância e, assim que a pandemia passar, procurar cursos presenciais. “É preciso se preparar agora para o pós-crise”.

Ter habilidade em gestão é importante em qualquer função

Fazer um curso de gestão de pessoas não deve ser iniciativa apenas de quem almeja alcançar cargos de gestão, conforme a vice-presidente da Associação Brasileira de Recursos Humanos (ABRH-ES), Neidy Christo. “Habilidade de gestão é importante para todos”, afirmou ela.

Especialista em gestão de pessoas, Élcio Paulo Teixeira lembrou que o cenário de processo seletivo mudou muito porque os recrutadores viram que muita gente tem experiência, mas não tem capacidade comportamental para lidar com pressão.

Entre as habilidades comportamentais que precisam ser desenvolvidas, ele apontou inteligência emocional, gerenciamento do tempo e flexibilidade de aprendizado.

Robson Brandão, especialista em gestão estratégica de pessoas e conselheiro do Conselho Regional de Administração (CRA), lembrou que falar em qualificação profissional é falar em empregabilidade, seja para se colocar, recolocar ou se manter no mercado.

CURSOS MAIS INDICADOS

Cursos técnicos

Embora no momento as instituições de ensino ainda não tenham voltado com as aulas presenciais, a tendência é que os cursos técnicos ofereçam aulas na escola, com menor número de alunos, quando elas forem indispensáveis.

1 Logística

  • O profissional trabalha com logística de transporte, armazenamento e distribuição de produtos e mercadorias. É necessário em grandes empresas e em portos como o Imetame Logística Porto, que será construído em Aracruz. O curso é oferecido, por exemplo, pelo Senac.

2 Automação industrial

  • Com a retomada das indústrias, esse profissional será requisitado, já que é indispensável. Ele pode atuar em empresas como Vale, Arcelor, Suzano, Samarco, entre outras. O curso é oferecido no Senai, no Ifes e no Cedtec, por exemplo.

3 Eletrotécnica

  • O profissional pode trabalhar em grandes empresas como mineradoras, siderúrgicas, petroquímicas, entre outras. O curso é oferecido no Ifes e no Cedtec, por exemplo.

4 Enfermagem

  • Os profissionais da saúde tendem a permanecer em alta após a pandemia, uma vez que os efeitos dela sobre a saúde dos indivíduos devem ser sentidos a longo prazo.
  • As obras do Hospital Oncológico e do Hospital dos Olhos, em Vila Velha, do Linhares Medical Center, em Linhares, e de um Pronto-Socorro da MedSênior, em Cariacica, são alguns dos sinais de aumento da demanda.

5 Vendas

  • A venda de produtos e serviços é o que mantém as empresas abertas. Por isso, um profissional que tenha essas habilidades desenvolvidas é tão necessário. Para trabalhar em grandes empresas é preciso ainda ter conhecimento do produto que vende e falar outras línguas, como inglês e espanhol.

6 Segurança do trabalho

  • O profissional atua na construção civil, em indústrias, hospitais e comércios, por exemplo. O curso é ofertado no Ifes e no Cedtec, entre outras instituições.

Graduação

7 Gestão Financeira

  • É um curso tecnólogo com duração de dois anos, cujo objetivo é deixar o aluno apto para analisar e gerir os recursos financeiros de qualquer empresa. É oferecido por instituições como Faesa e UVV.

8 Gestão da produção industrial

  • É um curso tecnólogo com duração de três anos que prepara o profissional para fazer a gestão de processos de fabricação, custos e logística industrial. O curso é ofertado na modalidade a distância pela Faesa.

9 Gestão de Negócios Digitais e E-commerce

  • Grandes empresas precisam não só vender produtos, mas também a sua imagem. Por isso, esse profissional é tão importe. Ele pode trabalhar em diversas áreas, desde instituições de ensino, empresas de comunicação, grandes redes de lojas, entre outras. Entre as instituições que oferecem o curso está a UVV. Ele tem duração de dois anos.

10 Ciência de dados

  • Com dados sendo criados a todo momento, o profissional que sabe tratá-los se torna altamente estratégico para as empresas. Esse profissional pode trabalhar não só em grandes empresas de tecnologia como em qualquer outra área. O curso é ofertado, por exemplo, na UVV

11 Análise/ desenvolvimento de sistemas

  • O desenvolvimento de sistemas é uma forma de resolver diferentes problemas das empresas. Por isso, esse profissional é tão necessário. Entre as instituições que ofertam o curso estão UCL e Multivix. O profissional pode trabalhar em bancos e empresas de tecnologia.

12 Especialista em gestão de pessoas

  • A pandemia carrega consigo uma série de problemas que contribuem para comprometer a saúde mental de muita gente. E as empresas precisam cuidar da saúde mental de seus funcionários para se manterem competitivas.

Especialização

13 Gerenciamento de projetos

  • O curso é importante para quem está se preparando para atuar na área de gestão. O profissional se capacita para atuar em grandes empresas de qualquer área. Entre as instituições que oferecem o curso estão Fucape, Mmurad e UCL.

14 Big Data e Business Analytics

  • Existe uma carência desse profissional no mundo todo. E ele é estratégico para as empresas, principalmente as grandes. Afinal, dados são o suporte para a tomada de decisões. O profissional pode trabalhar em diversos segmentos. Entre as instituições que oferecem o curso está a Mmurad.

15 Inteligência em Negócios Digitais

  • Formações na área são valorizadas pelo mercado pois os profissionais precisam encontrar soluções para o negócio em um cenário que está em constante mudança. É um profissional estratégico para qualquer empresa. Entre as instituições que oferecem o curso está a Mmurad.


16 Marketing Digital

  • Ele ajuda a criar visibilidade, atrair clientes e levantar as vendas. O profissional pode trabalhar para grandes redes de lojas como supermercados, farmácias, empresas de comunicação, mineração, entre diversos outros segmentos. Instituições como UVV e UCl ofertam cursos na área.


17 Gestão estratégica de pessoas

  • Para fazer parte de uma empresa é preciso saber trabalhar com pessoas. Por isso, esse tipo de curso agrega não somente para quem busca cargos de gestão. Entre as instituições que oferecem o curso estão Fucape e Mmurad.


18 Segurança da informação

  • O home office veio para ficar em muitas empresas e garantir a segurança das informações corporativas deve ser uma das prioridades para empresas de qualquer segmento. O curso de especialização na área é ofertado pela UCL.

19 Lean Six Sigma 4.0

  • Os profissionais são capacitados para liderar projetos complexos reduzindo desperdícios de fatores que não somam valor ao produto final. Contribui para a produtividade e competitividade. Uma das instituições que oferecem o curso é a UVV.

Outros cursos

20 Inglês e Espanhol

  • Para trabalhar em uma grande empresa, principalmente multinacional, é preciso dominar outros idiomas.

Fontes: ABRH, Findes, Élcio Paulo Teixeira, Gisélia Freitas, Elias Gomes e Robson Brandão Neves.

“Qualificação na quarentena mostra propósito”, destaca especialista

A forma de encarar a quarentena diz muito sobre cada indivíduo. Há aqueles que olham mais para o lado negativo da situação e se autosabotam. Por outro lado, há quem use o tempo livre para se desenvolver.

“Quem se qualifica na quarentena mostra equilíbrio emocional, foco, proatividade e propósito”, destacou a especialista em pessoas e carreiras Gisélia Freitas. Essas pessoas conseguem se planejar e aproveitar o tempo em benefício próprio.

Neidy Christo disse que é importante se conhecer, fazer a autogestão dos próprios sentimentos.e saber   se relacionar. (Foto: Divulgação)
Neidy Christo disse que é importante se conhecer, fazer a autogestão dos próprios sentimentos.e saber se relacionar. (Foto: Divulgação)
Gisélia lembrou que estar estudando e se desenvolvendo já é um diferencial em relação a quem não está. “É um investimento na carreira. E grandes empresas olham para as pessoas quem têm planejamento e estão focadas na vaga”.

Mas é importante também cuidar da saúde mental e física para estar preparado, das mais diversas formas, para as oportunidades que virão.

A vice-presidente da Associação Brasileira de Recursos Humanos (ABRH-ES), Neidy Christo, destacou que, em um momento complexo como esse, é importante se conhecer, fazer a autogestão dos próprios sentimentos, além de perceber o sentimento dos outros e se relacionar bem.

Já sobre as habilidades técnicas, o consultor de carreira Elias Gomes destacou que cursos da área da saúde vão se manter em alta. Haverá muitas oportunidades para técnico de enfermagem, enfermeiro e médico.

Vice-presidente da MedSênior, Maely Coelho Filho contou que o hospital que estava em construção na Leitão da Silva começou a funcionar no último dia 23 e que em 2021 um novo pronto-socorro será inaugurado em Cariacica, criando mais oportunidades.

Também estarão em alta formações em Big Data, inteligência de mercado e gestão de projetos.

Especialista em gestão de pessoas, Elcio Paulo Teixeira acrescentou que as áreas de tecnologia e de mídias sociais também ganharão mais espaço.

Além disso, grandes redes de supermercado estão se expandindo. O Grupo Coutinho, por exemplo, vai abrir mais sete lojas até 2021. Para atuar nas empresas do setor, o curso de vendas pode abrir portas.

Pequenas empresas criam a maior parte dos empregos

Embora o sonho de trabalhar em grandes empresas seja latente para muitos, a vice-presidente da Associação Brasileira de Recursos Humanos (ABRH-ES), Neidy Christo, lembrou que é preciso valorizar as pequenas e médias empresas.

“Elas podem se tornar grandes empresas ao agregar funcionários competentes dentro do quadro”, destacou ela, lembrando também que são os pequenos negócios que criam a maior parte dos empregos no País.

Em 2019, as pequenas e médias empresas abriram 731 mil vagas de emprego, contra 88 mil de médias e grandes empresas. Esse é um dos motivos para alguns especialistas defenderem que não há retomada econômica sem socorro aos pequenos negócios.

Ensino gratuito

Para quem não tem condições de pagar um curso para voltar ou ingressar no mercado de trabalho, aí vai uma boa notícia: há opções gratuitas. Há chances, por exemplo, na Fundação Getúlio Vargas e até na Universidade de Harvard (EUA).

Na internet também há um mundo de conhecimento a desbravar, com palestras de grandes especialistas, lives sobre diversas temáticas, entre outras oportunidades de adquirir conhecimento gratuito e sem sair de casa. O objetivo é estar mais preparado para enfrentar o pós-pandemia.

Análise: “Mercado vai exigir novas habilidades”

“De repente, a vida estagnou e o ser humano se viu frágil, apesar das ciências, inovações e recursos disponíveis. O vírus igualou raças, credos, nacionalidades, classes sociais e diversidades.
Precisamos reaprender a conviver, a desenvolver competências tecnológicas e a buscar novos aprendizados, valores e escolhas, com sustentabilidade.

Assumimos o protagonismo, solucionamos conflitos, tiramos proveito das adversidades e descobrimos que o equilíbrio emocional e a positividade ajudam a firmar parcerias e a alcançar resultados.

Buscamos o autoconhecimento. Racionalizamos o consumo. Quebramos paradigmas. Ampliamos o senso da simplicidade e humanidade. Tornamo-nos disponíveis para dar e receber ajuda.

Despertamos talentos, interesses e criatividade até então desconhecidos. São essas habilidades que o mercado de trabalho pós-pandemia vai exigir de nós, sejamos empreendedor ou empregado”.

Maria Goretti E. Fernandes, diretora de Relacionamento com o Associado da ABRH-E

Entrar no grupo do WhatsApp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna Online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados