search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

CPI vê carta como primeira “prova” de omissão
Coluna do Estadão

Andreza Matais e Marcelo de Moraes


CPI vê carta como primeira “prova” de omissão

A despeito de seu potencial “viralizante”, a afirmação de Luiz Henrique Mandetta de que Jair Bolsonaro queria um decreto para incluir Covid-19 na bula da cloroquina, a sala de comando da CPI se animou mesmo foi com a carta enviada pelo ex-ministro da Saúde ao presidente da República, considerada a primeira “prova” da omissão de Bolsonaro e um forte indicativo de que ele jogou contra o ministério no início da pandemia.

Sobre a “bula”, a avaliação do Planalto é singela: crise natimorta porque Mandetta não mostrou indícios nem evidências.

Pegue o bastão. No documento de março de 2020, Mandetta pediu a Bolsonaro a revisão de postura na pandemia e alertou sobre a possibilidade de uma mortandade. Pode até não ser uma prova, mas é um primeiro tijolo. A bola agora está com Nelson Teich.

Calma aí, pô. A interlocutores, Flávio Bolsonaro disse não ver motivos suficientes para eventual convocação de seu irmão Carlos, citado por Mandetta como participante de reuniões

Auxílio no zap. Ex-secretário de Mandetta na Saúde, Wanderson Oliveira disparava comentários e informações complementares ao depoimento do ex-ministro no WhatsApp.

Se… Sem citar nomes, Mandetta falou da turma que municiava o Presidente com informações equivocadas sobre a pandemia. Muita gente da CPI entendeu tratar-se do deputado Osmar Terra (MDB-RS).

…liga. O líder do PT no Senado, Rogério Carvalho (SE), sugeriu a Humberto Costa (PT-PE) o pedido de convocação do deputado federal, que deve ser apresentado nos próximos dias.

CLICK. Em meio a 400 mil mortos na pandemia, a deputada Alê Silva (PSL-MG) grava vídeo de dancinha para o TikTok no Salão Verde da Câmara, sem máscaras.

Munição. Renan Calheiros arregimentou quatro técnicos do Senado para ajudar a confecção do relatório que será entregue no final das investigações.

Cada um na sua. Nova ordem do Planalto: Luiz Eduardo Ramos coordenará os ministérios e Flávia Arruda, a articulação política.

Seu garçom. Presidente da CPI da Covid, Omar Aziz (PSD-AM) diz que as declarações polêmicas de Paulo Guedes são “conversa de botequim”. A ver.

Fica… A tentativa de Jair Bolsonaro de se aproximar de José Sarney esbarra também em questões regionais. O Maranhão foi o único Estado onde houve troca do comando estadual do MDB, partido do ex-presidente, na semana passada.

…difícil. Roseana Sarney assumiu o comando no Maranhão. Será candidata a deputada federal e apoiará o nome indicado pelo governador Flávio Dino (PCdoB) para sua sucessão.

Renda. A centrais sindicais, Rodrigo Pacheco (DEM-MG) se comprometeu a criar comissão parlamentar mista, com a participação de representantes sindicalistas e do setor produtivo, para discutir medidas de retomada do emprego e renda. Arthur Lira (PP-AL) já topou também.

Timing I. Para o professor José Eduardo Faria (USP) há “risco de curto-circuito” com a votação de uma nova Lei de Segurança Nacional (LSN) neste momento conturbado do País.

Timing II. “Significará sobrecarregar ainda mais o momento”, afirmou o jurista, em um debate organizado pelo Canal UM Brasil, da Fecomercio-SP.

Pronto, falei!

"Pazuello diz que não pode comparecer à CPI por medo de infectar os parlamentares. Ele não teve o mesmo medo ao andar no shopping sem máscara”

Carlos Lupi, presidente do PDT

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora
esqueceu a senha?

últimas dessa coluna


Exclusivo
Coluna do Estadão

Capitais já projetam Carnaval em 2022

Enquanto o País conta seus mortos e o medo de uma terceira da onda da Covid-19 ainda persiste, algumas capitais, como Rio, Recife e Salvador, fornecem motivos para sonhar: já projetam o carnaval …


Exclusivo
Coluna do Estadão

O ponto de partida para a fase “follow The Money”

A CPI da Covid já tem em mãos o documento sigiloso que será seu ponto de partida para apurar se alguém se deu bem financeiramente com a empulhação do “tratamento precoce”: nada menos que 42 empresas …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Governo avança em projeto que muda o Imposto de Renda

O projeto de lei que vai modificar o Imposto de Renda (IR) de pessoas física e jurídica está na fase final de elaboração no governo. A expectativa é de que o martelo seja batido na segunda-feira. …


Exclusivo
Coluna do Estadão

“Carreiras de Estado” viram ponto de discórdia

O presidente da comissão especial da PEC da reforma administrativa, Fernando Monteiro (PP-PE), afirma ser importante incluir desde já no texto as carreiras típicas de Estado, como diplomatas, …


Exclusivo
Coluna do Estadão

No centro, falta voto e sobra desconfiança

Apesar de louvável, a iniciativa de reunir expoentes do centro numa rodada de diálogo ainda não despertou entusiasmo nos bastidores do grupo. A bigorna amarrada às expectativas é uma: quem está …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Nove ministros tomam vacina; Onyx segue chefe

Enquanto Jair Bolsonaro não se vacina contra a Covid-19, pelo menos nove de seus 23 ministros já receberam ao menos a primeira dose. Paulo Guedes, Tereza Cristina e Augusto Heleno tomaram a Coronavac…


Exclusivo
Coluna do Estadão

Aras diz ter respeitado autonomia de subalterno

A um interlocutor, Augusto Aras disse não haver espaço para interferência no Ministério Público e que a prerrogativa de autonomia funcional é “sagrada”. Foi assim, segundo ele, no caso do inquérito …


Exclusivo
Coluna do Estadão

João Doria vê vacina como seu 'Plano Real'

João Doria acredita que a vacinação dos paulistas e dos brasileiros estará para ele como o Plano Real esteve para FHC na campanha de 1994: tornou o então presidenciável do PSDB conhecido em todo o …


Exclusivo
Coluna do Estadão

PSD e MDB na segunda onda do centro político

A pouco mais de um ano da campanha eleitoral, uma nova onda começa a se formar nos mares do centro: diante das dificuldades do PSDB, da indecisão de Luciano Huck e do naufrágio de João Amoêdo, PSD e …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Administrativa pode privilegiar policiais

Mesmo relutante, Jair Bolsonaro deu “ok” para a Câmara tocar a reforma administrativa. Mas impôs condições: 1) o texto precisa ser mais claro na preservação dos direitos dos servidores atuais; …