Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

"Vitória. Felicidade. Amigos". O relato de idosos entre 80 e 84 anos vacinados contra Covid

| 25/02/2021 12:49 h

Idosos de 80 a 84 anos começaram a ser vacinados contra a Covid
Idosos de 80 a 84 anos começaram a ser vacinados contra a Covid |  Foto: Hélio Filho/ Secom
“Venci a doença e agora quero ficar livre dela de uma vez. Tivemos que ter paciência para esperar a chegada da vacina e agora comemoramos essa vitória”, contou a aposentada Sebastiana da Silva, 84 anos, vacinada contra a Covid-19 na Unidade de Saúde de Vale Encantado, em Vila Velha, na manhã desta quinta-feira (25).

Ela, que teve a doença e ficou 25 dias internada, faz parte do novo grupo a ser contemplado com o imunizante no Estado: idosos de 80 a 84 anos.

“Das doses enviadas pelo Ministério da Saúde, na quarta-feira (24), foi definido pelo órgão federal o quantitativo para imunizar 50% do público prioritário de 80 a 84 anos, que tem população estimada de 44.963 mil pessoas no Estado”, explicou a Secretaria de Estado da Saúde (Sesa).

Quem também comemorou o recebimento da vacina foi a aposentada Adelina de Freitas Cunha, 84 anos. “Essa doença que tem tirado a vida de tantas pessoas. Durante essa pandemia eu fiquei presa dentro de casa sem poder ver amigos e meus parentes. É disso que sinto mais falta, mas estou muito feliz porque finalmente o dia da vacina chegou”, destacou.

Já Erzi Pinheiro de Freitas, 81 anos, espera ansiosamente o momento em que poderá “dar uma voltinha pelo bairro”, enquanto José da Silva Barbosa, 84 anos, quer acompanhar o comércio da família.

“Quero muito estar imunizado para voltar a trabalhar. Temos uma mercearia em Vale Encantado e gosto de saber de tudo que acontece; quero também visitar meus parentes, sinto muita falta da minha rotina. Agora que estou vacinado dou graças a Deus e a todos por nos proporcionar esse dia”, disse.

O governador Renato Casagrande esteve na unidade e acompanhou a vacinação. “Espero que em março a Fiocruz e o Butantan possam produzir e disponibilizar mais vacinas para que possamos vacinar em massa”, afirmou.
 

Ficamos felizes em tê-lo como nosso leitor! Assine para continuar aproveitando nossos conteúdos exclusivos: Assinar Já é assinante? Acesse para fazer login

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS