X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Supermercados vão ficar fechados aos domingos

| 16/03/2021 16:40 h | Atualizado em 16/03/2021, 19:30

Imagem ilustrativa da imagem Supermercados vão ficar fechados aos domingos

Os supermercados não vão poder abrir aos domingos e feriados durante 14 dias em todos municípios do Espírito Santo, mesmo fazendo parte das atividades essenciais. A medida faz parte das restrições anunciadas pelo governador Renato Casagrande, em coletiva de imprensa, na tarde desta terça-feira (16).

Após a ocupação de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para Covid-19 atingir o número de 91,05%, nesta terça (16), o governador anunciou que vai implementar o período de quarentena, que começa na próxima quinta-feira (18) e vai até o dia 31 deste mês, para conter o avanço da Covid-19 no Estado. 

Ainda no pronunciamento do governador, o coronel Cerqueira, comandante-geral do Corpo de Bombeiros Militar, explicou que os supermercados não podem funcionar porque, a partir de quinta (18), está proibido o atendimento ao público nos serviços e atividades essenciais aos domingos e feriados durante os 14 dias, com exceção de:

  • Farmácias;
  • Postos de Combustíveis;
  • Assistência à saúde;
  • Assistência Social e atendimento à população em situação de vulnerabilidade;
  • Serviço funerário;
  • Transporte público coletivo e de passageiros.

Em entrevista ao Tribuna Online, o superintendente da Associação Capixaba de Supermercados (Acaps), Hélio Schneider, afirmou que não espera um movimento maior nos mercados por conta do anúncio de quarentena. Ele acredita que os estabelecimentos vão funcionar normalmente.

Sobre as medidas que devem ser adotadas pelos supermercados, Hélio Schneider afirmou que prefere esperar o anúncio da restrição no Diário Oficial desta quarta-feira (16). "Só vamos falar após após a publicação, porque o governador, com todo o direito, pode fazer alguma alteração, se for o caso, na publicação de amanhã", afirmou o superintendente.

Já os restaurantes e bares podem funcionar todos os dias, mas apenas por meio de entregas (delivery). O sistema de drive-thru e take-away (quando o cliente fica no carro para pegar a mercadora) estão proibidos. 

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS