X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Sindicato prevê mais demissões com fechamento de bares em cidades de risco alto

| 12/03/2021 20:31 h | Atualizado em 12/03/2021, 20:52

O anúncio do novo mapa de risco da covid-19 apontou 17 municípios como risco alto para a transmissão da doença, entre elas Vila Velha e Serra. Medidas de restrição mais rígidas, como o fechamento de bares e restaurantes, serão adotadas nessas cidades.

Restaurante vazio: perdas com a pandemia
O presidente do Sindicato dos Restaurantes, Bares e Similares do Espírito Santo (Sindbares), Rodrigo Vervloet, comenta que o setor entende a adoção de medidas para conter a pandemia, mas que não concorda com restrições ao funcionamento de estabelecimentos.

"No momento em que você fecha um estabelecimento que está seguindo as normas sanitárias, você empurra a população para serviços informais, que na maioria das vezes não adotam medidas sanitárias contra a covid-19", comentou Vervloet.

Rodrigo ainda ressalta que 40% das empresas do setor já fecharam as portas e novos impactos são aguardados.

"Estamos em um período complicado desde o começo da pandemia. O setor está dilacerado e isso inevitavelmente resulta em muitas demissões e extinção de empresas. O setor está em uma situação muito delicada e agora continuará sob essa pressão de novos fechamentos de comércios", afirmou o presidente do Sindbares.

Vervloet aponta também que restrições impactam toda a cadeia de comércio, podendo causar perdas significativas no Produto Interno Bruto (PIB) do Estado.

"As restrições impactam não só o setor, mas também os fornecedores, músicos e prestadores de serviço. Esse prejuízo terá um impacto violento no PIB e social", completou.

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em nosso grupo do Telegram

MATÉRIAS RELACIONADAS