Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Secretário de Saúde alerta para possível aumento de casos de covid nas próximas semanas

| 23/08/2021 15:34 h | Atualizado em 23/08/2021, 18:46

O número de novos casos de infecção por covid-19 registrados no Estado pode aumentar nos próximos dias.

De acordo com o secretário de Estado da Saúde, Nésio Fernandes, a queda na curva de casos foi interrompida nos últimos 16 dias, dando lugar a um cenário de crescimento de infecções por covid

"O Estado possui uma fotografia neste momento da pandemia que desenha um comportamento de crescimento de casos observados na curva de casos diagnosticados da covid-19. No painel, já podemos observar uma interrupção da queda da curva de casos, já desenhando um comportamento de crescimento no número de casos observados", ponderou Nésio.

Brasil registra 2ª morte causada pela variante Delta do novo coronavírus
Brasil registra 2ª morte causada pela variante Delta do novo coronavírus |  Foto: Pixabay
O secretário ainda alerta que existe um grande potencial de subnotificação de casos observados, quando casos suspeitos não são testados.

"Com o avanço da vacinação, o esgotamento coletivo e a redução da percepção de risco, temos cada vez mais casos leves com características subclínicas, o que leva a população a não reconhecer ou dar importância para aquele quadro, podendo não relaciona-lo a uma suspeita de covid. Da mesma forma, muitos serviços de saúde não reconhecem as formas leves como suspeitas de covid. Desta maneira, tanto a percepção da população, quanto dos profissionais de saúde ficam prejudicadas, reduzindo a ampla testagem", afirmou o secretário.

A testagem vai ser ampliada no Estado, que deve receber mais de 60 mil teste nesta semana. O subsecretário de Vigilância em Saúde da Secretaria Estadual de Saúde, Luiz Carlos Reblin, ressalta que a testagem deve ser feita por demanda espontânea da população.

"Detectamos que de fato as pessoas passaram a entender que sintomas mais simples podem não ser covid. As equipes que atendem em unidades de saúde também acabam compreendendo que não se trata de um caso suspeito. Em um caso suspeito, o paciente deve ser encaminhado para a testagem e a pessoa que entenda necessária a testagem o agendamento pode ser feito pela internet", ressaltou Reblin.

Nésio ainda aponta que, apesar do aumento de novos casos, a curva de óbitos e internações em decorrência de covid continuam em queda.

Ficamos felizes em tê-lo como nosso leitor! Assine para continuar aproveitando nossos conteúdos exclusivos: Assinar Já é assinante? Acesse para fazer login

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS