X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Mais uma cidade capixaba antecipa feriados para conter avanço da Covid

| 25/03/2021 17:19 h | Atualizado em 25/03/2021, 17:41

Mais uma cidade capixaba decidiu antecipar feriados para tentar conter o avanço da Covid-19 no Estado. A Prefeitura de Vargem Alta, na Região Serrana, antecipou dois feriados municipais e, com isso, criou um feriadão de quatro dias, que começa nesta sexta-feira (26) e seguirá até segunda-feira (29).

Presidente Kennedy, no Litoral Sul, também já havia tomado medida semelhante.

Vargem Alta antecipa feriados para conter avanço da Covid
Vargem Alta antecipa feriados para conter avanço da Covid |  Foto: PMVA
Com relação a Vargem Alta, o prefeito Elieser Rabello antecipou os feriados de São João Batista, comemorado no dia 24 de junho, e Imaculada Conceição, do dia 8 de dezembro, para sexta (26) e segunda (29).

Vargem Alta tem 1.583 casos confirmados e 27 mortes por Covid-19. O município também confirmou cinco casos da variante inglesa, que é considerada mais contagiosa e letal.

Na avaliação de Elieser, a antecipação vai ajudar ao comércio, principalmente as lojas com atividades consideradas não essenciais, que foi atingido pela quarentena.

“É uma forma de trazer os feriados para esse período de quarentena, em que as lojas já estariam fechadas, para que o comércio possa recuperar esse período lá na frente, nos dias 24 de junho e 8 de dezembro”, explicou o prefeito.

Elieser ressaltou que, antes de tomar a medida, conversou com a Associação Comercial de Vargem Alta. O projeto foi encaminhado para a Câmara Municipal na segunda (22), que aprovou em sessão extraordinária na quarta (24).

O prefeito acredita também que a medida vai evitar a circulação de pessoas, uma vez que ficarão fechados também os outros comércios nesses quatro dias, reduzindo a aglomeração e a transmissão do novo vírus.

Elieser destacou outras medidas para minimizar o prejuízo do comércio e da população, como prazo de 60 dias para pagamento de taxas, além de parcelamento dos valores. A tarifa de água de março também foi prorrogada pelo mesmo período.

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS