Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Governo avalia que punir quem descumpre isolamento é muito difícil

| 05/06/2020 20:36 h

Movimento na Avenida Central de Laranjeiras, na Serra.
Movimento na Avenida Central de Laranjeiras, na Serra. |  Foto: Leone Iglesias/AT

Os índices de isolamento no Espírito Santo ainda seguem abaixo dos 55% tidos como ideal pelo governo, exceto aos domingos. Na quinta-feira (4), essa taxa foi um pouco maior do que 46%.

Questionado sobre a possibilidade de aplicar uma punição direta ao cidadão que descumprir as medidas de isolamento, o governador Renato Casagrande informou que é possível, mas difícil de executar esse tipo de ação.

O chefe do Executivo está na residência oficial na Praia da Costa, em Vila Velha, onde se recupera da covid-19, e concedeu a entrevista coletiva via internet na noite desta sexta-feira (5).

O governo já anunciou multas para comércios e shoppings que descumprirem regras de funcionamento, como abrir em dia ou horário que não é previsto para funcionamento e funcionários e clientes dentro das lojas sem máscara.

A falta do equipamento de proteção facial também gera multa para empresas de ônibus que permitirem o transporte de passageiros na Grande Vitória sem o uso da máscara.

“A punição direta pro cidadão é possível, totalmente possível, mas muito difícil de ser executada. O que a gente tem feito nesses três meses é um apelo as pessoas, mas parece que uma parte delas não se convence”, lamentou Casagrande.
 

Ficamos felizes em tê-lo como nosso leitor! Assine para continuar aproveitando nossos conteúdos exclusivos: Assinar Já é assinante? Acesse para fazer login

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS