X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Festa em escuna causa revolta em Piúma

| 02/06/2020 18:32 h | Atualizado em 02/06/2020, 19:04

Uma festa realizada em uma escuna no litoral Sul do Estado em meio ao isolamento social pedido por causa da pandemia do novo coronavírus deixou moradores de Piúma revoltados e o caso foi denunciado na prefeitura. Vídeos e fotos começaram a circular pelas redes sociais e em grupos de aplicativo de mensagens.

A confraternização reuniu cerca de 30 pessoas, muitas delas jovens e adolescentes. Entre os participantes estava um empresário do ramo de farmácias, que tem estabelecimentos em Piúma e Anchieta. A festa aconteceu no último sábado (30), e os vídeos foram compartilhados na noite de segunda-feira (1). 

Em um grupo nas redes sociais chamado Gírias de Piúma, uma moradora postou indignada: “Em plena pandemia, será que esses jovens estavam seguros? Será que não levarão a doença para casa, fazendo seus pais adoecerem?”.

O fato de ter um dono de farmácias no meio do grupo gerou ainda mais insatisfação e críticas de moradores. “É um absurdo ver uma imagem dessas. Piúma entrou para a grade de municípios de alto risco em contaminação do coronavírus, e ver o dono de farmácias em uma festa no barco é revoltante”, disse uma moradora de Piúma, que enviou as imagens para a reportagem, mas pediu para não ter o nome exposto.

O filho do empresário, que prefere não ter o nome divulgado, relatou que o pai não tinha conhecimento da quantidade de pessoas que estariam na embarcação.

“O fato aconteceu no sábado. Meu pai recebeu o convite de um amigo dele. O rapaz não disse que seria uma festa grande dessa forma, por isso meu pai aceitou. As pessoas estão dizendo que meu pai que organizou, mas ele não organizou nada. Inclusive ele não sabia que teria esse tanto de gente”, disse o filho. O empresário não quis dar entrevista. O dono da embarcação também não teve o nome divulgado.

Vídeos da festa em escuna foram compartilhados nas redes sociais
Vídeos da festa em escuna foram compartilhados nas redes sociais |  Foto: Reprodução/Vídeo

Secretário diz que vai ouvir empresário

O secretário de Saúde de Piúma, Alexandre Marconi, informou que a prefeitura recebeu denúncias sobre a festa na escuna, reconheceu o empresário que aparece nas imagens como morador do município e já entrou em contato com o mesmo para apurar o caso. No dia da festa não houve denúncias, por isso nenhuma fiscalização foi feita na ocasião.

“É um empresário do município, mas as pessoas e o local não foram reconhecidos como sendo em Piúma. Não abrimos um procedimento interno ainda porque o empresário nos informou que a festa não foi na cidade. Temos apenas duas escunas aqui, que estão paradas. A escuna que aparece no vídeo, onde a festa aconteceu, não pertence ao município de Piúma”, disse o secretário.

Marconi ainda acrescentou: “Nós vamos sentar com o empresário para conversar. Nesse momento de pandemia, o pedido é para ficar em isolamento social. Festas não devem ser organizadas. Vamos pedir a colaboração”.

Piúma já registrou até esta terça-feira (2), segundo o Painel Covid-19, 88 casos confirmados de coronavírus e uma morte registrada.

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em nosso grupo do Telegram

MATÉRIAS RELACIONADAS