X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

"Estamos nos preparando para uma situação de maior gravidade", diz governador

| 01/03/2021 17:45 h | Atualizado em 01/03/2021, 18:09

Imagem ilustrativa da imagem "Estamos nos preparando para uma situação de maior gravidade", diz governador

Com estados enfrentando problemas para atender a demanda de internações de pacientes com Covid-19, o Espírito Santo vive uma fase de estabilidade dos casos da doença, conforme o governador Renato Casagrande. No entanto, o chefe do Executivo admite que o Estado tem se preparado para caso os números voltem a subir.

"É lógico que estamos pedindo a Deus que a situação não se agrave, mas estamos nos preparando para enfrentar uma situação de maior gravidade", disse Casagrande. 

Entre as medidas estão a ampliação do número de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) nos hospitais capixabas - atualmente, são 694 vagas e a intenção do governo é que esse total chegue a 900 até o final de abril - e aumento da testagem de pacientes com suspeita de infecção pelo novo coronavírus. 

Alguns estados brasileiros vivem uma terceira fase de aumento de casos e internações pela doença e, questionado sobre a expectativa do governo para os próximos meses, o secretário estadual da Saúde, Nésio Fernandes, revela que o Espírito Santo pode viver em março uma nova aceleração da curva de casos.

Segundo ele, alguns dos fatores para isso são o aumento de casos de doenças respiratórias por mudanças climáticas, as poucas vacinas, que proporcionam uma cobertura ainda pequena, e pessoas que relutam em seguir as normas sanitárias como uso de máscara e manter o distanciamento.

"Podemos sim ter uma terceira fase de aceleração na curva de casos no meses de março e abril, por isso definimos uma estratégia de expansão de leitos", afirmou Fernandes. 

Nesta terça-feira (2), o governador Renato Casagrande vai a Brasília. Entre os compromissos na agenda está uma visita à empresa União Química, produtora da vacina russa Sputnik V, e reunião com presidente da Câmara dos Deputados Arthur Lira (PP-AL). 

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em nosso grupo do Telegram

MATÉRIAS RELACIONADAS