X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Estado vai colocar metade dos servidores públicos em home office

| 12/03/2021 19:08 h | Atualizado em 12/03/2021, 20:29

Imagem ilustrativa da imagem Estado vai colocar metade dos servidores públicos em home office

Os servidores estaduais, que exercem atividades não essenciais, vão ser realizar rodízio com metade deles atuando em home office e a outra metade comparecendo presencialmente nas repartições públicas. A medida foi anunciada pelo governador Renato Casagrande, no início da noite desta sexta-feira (12), em pronunciamento pelas redes sociais. 

O governador apresentou o novo mapa de gestão de risco das cidades capixabas, que passa a valer a partir da próxima segunda-feira (15). Na classificação, 17 municípios estão no risco alto, indicado pela cor vermelha. Entre essas cidades estão Vila Velha e Serra.

No novo mapa, não há mais cidades no risco baixo. Os 61 municípios restantes estão no grupo moderado.

O aumento na quantidade de casos e mortes, além da elevação na taxa de ocupação dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) fez com que o governo adotasse as medidas para restringir a circulação de pessoas.

"A partir de segunda-feira (15), excluindo as área essenciais - saúde, segurança e educação - os secretários poderão tomar alguma decisão, de acordo com a realidade de cada secretária, na parte administrativa, mas a orientação é que 50% dos servidores fiquem em home office. Um dia 50% e no outro dia os outros 50% ou de acordo com o entendimento que o secretário tiver, para que a gente possa reduzir a circulação de pessoas, usando o transporte público. Isso ajuda a diminuir esse impacto", afirmou Casagrande.

Essa medida também será sugerida aos prefeitos, em reunião, neste sábado (13), para que seja reduzida a circulação de pessoas. A orientação também vale para o setor privado.

Além de colocar os servidores em rodízio, a recomendação para realizar agendas de forma remota será dada aos secretários e prefeitos.

"A partir de amanhã (sábado, 13), que eu já teria uma agenda presencial na Serra, dando ordem de reinício para o Contorno de Jacaraípe, mas transformei mesmo o mapa ainda não tendo sido divulgado, não faço mais solenidade presencial. Teremos videoeventos. Só reuniões pequenas que podem ser presenciais. Se forem eventos, tem que virtual", afirmou ele. 

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em nosso grupo do Telegram

MATÉRIAS RELACIONADAS