Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Enfermeira morre de reinfecção por covid após recusar vacina

| 26/02/2021 17:56 h | Atualizado em 26/02/2021, 18:09

Priscila Veríssimo tinha 35 anos e deixa um filho de 2 anos
Priscila Veríssimo tinha 35 anos e deixa um filho de 2 anos |  Foto: Acervo Pessoal
A enfermeira Priscila Veríssimo, de 35 anos, morreu após ser reinfectada pela covid-19. O óbito foi confirmado na última quarta-feira (24), pelos familiares, em Arapiraca (Alagoas). Ela deixa um filho de 2 anos.

A profissional de saúde chegou a ser demitida do hospital que trabalhava por se recusar a tomar a vacina Coronavac, cujos estudos apontam que possui eficácia para proteger o organismo contra os efeitos da doença.

Como atuante na linha de frente do combate à doença, ela teve prioridade para receber a vacina, mas se recusou.

Segundo o site Correio Braziliense, Priscila já havia sido infectada pela covid-19 uma vez e, por isso, acreditava que não pegaria a doença novamente. Nas redes sociais, ela também compartilhou postagens questionando a eficácia da vacina, produzida pelo Instituto Butantan, de São Paulo, e a farmacêutica chinesa Sinovac.
 

Ficamos felizes em tê-lo como nosso leitor! Assine para continuar aproveitando nossos conteúdos exclusivos: Assinar Já é assinante? Acesse para fazer login

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS