X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Coronavírus: Estado já tem 239 idosos infectados em casas de repouso

| 16/06/2020 19:10 h

Asilo em Vitória registra a quarta morte por coronavírus
Asilo em Vitória registra a quarta morte por coronavírus |  Foto: Freepik
Diante do crescimento exponencial de casos do Covid-19 no Espírito Santo, aumenta também a preocupação com casos de pessoas que podem ser contaminadas por Covid-19 em casas de repouso. Sem elas, residentes ou funcionários.

Um levantamento realizado pelo Ministério Público do Estado do Espírito Santo (MPES), com base em fiscalizações realizadas até o dia 12 de junho em asilos do Estado, aponta que 239 pessoas foram infectados pela Covid-19.

Dentre os casos confirmados, foram registradas 120 pessoas idosas e 119 funcionários das instituições contaminados com o novo coronavírus. O número de óbitos entre idosos residentes nas instituições chegou a 23.

Os casos de idosos foram registrados nos municípios de Vila Velha (40), Vitória (33), Serra (31), Guarapari (5), Colatina (5), São Mateus (2), Alfredo Chaves (2), Aracruz (1) e Mimoso do Sul (1).

Já os trabalhadores das instituições com o novo coronavírus são dos seguintes municípios: Vila Velha (46), Serra (25), Vitória (17), São Mateus (14), Guarapari (5), Mimoso do Sul (4), Colatina (2), Cariacica (1), Viana (1), Cachoeiro de Itapemirim (1), Marataízes (1), Aracruz e Irupi (1).

Os municípios de Serra, Vila Velha e Vitória apresentaram os aumentos mais significativos de novos casos de residentes e funcionários contaminados. Serra passou de 15 idosos residentes contaminados para 31, um aumento de 106,66%, e de 16 funcionários para 25, um acréscimo de 56,25%.

Vila Velha apresentou 12 novos casos confirmados de COVID-19 de idosos residentes, um aumento 42,85%, e 17 de funcionários, 58,62% a mais que no relatório anterior, do dia 05/06.

Já Vitória teve 8 novos casos de residentes contaminados, um aumento de 32%, e 5 de funcionários a mais, 41,66% em relação ao levantamento de 05/06.

O relatório é semanal e foi realizado pelo Centro de Apoio Cível e Defesa da Cidadania (CACC) do Ministério Público do Estado do Espírito Santo (MPES).

Veja o relatório completo
 

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS