X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Colatina e Baixo Guandu registram mortes por covid-19

| 11/06/2020 19:01 h | Atualizado em 11/06/2020, 19:17

Vista da cidade de Colatina
Vista da cidade de Colatina |  Foto: Arquivo/AT

Na região Noroeste do Espírito Santo, as cidades de Colatina e Baixo Guandu confirmaram, nesta quinta-feira (11), mais mortes provocadas pelo novo coronavírus. Em Colatina o total de mortes já chega a 12, enquanto que na cidade vizinha são 6 óbitos. 

A Secretaria de Saúde de Colatina informou que a 12º vítima da doença na cidade é um idoso, de 67 anos, que estava internado em um hospital particular do município. 

Segundo a pasta, ele apresentava comorbidades. O bairro onde ele residia, no entanto, não foi informado pela secretaria de saúde. 

Os dados do Painel Covid-19, da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), mostram que Colatina já confirmou 655 casos do novo coronavírus. O Centro é o local com mais pacientes, tendo 47 no total. 

No município, há 238 pessoas que já estão curadas da covid-19. A taxa de letalidade do vírus na cidade é de 1,83%. 

Também na região Noroeste, Baixo Guandu confirmou a sexta morte por coronavírus. De acordo com a prefeitura, a vítima é uma aposentada, de 65 anos, moradora de Alto Guandu. 

Vista da cidade de Baixo Guandu
Vista da cidade de Baixo Guandu |  Foto: Divulgação Prefeitura de Baixo Guandu
A prefeitura informou que ela apresentava comorbidades e deu entrada no hospital local em 18 de maio.

"Com o agravamento do estado de saúde, a paciente foi transferida para Colatina e, de lá, para a UTI do hospital Roberto Silvares, em São Mateus, onde faleceu", informou a prefeitura em nota divulgada nas redes sociais. 

Baixo Guandu tem 130 casos confirmados da covid-19, segundo a Sesa. Deste total 83 pessoas estão curadas e a taxa de letalidade da doença é de 5,38%.

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS