X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Cirurgias não urgentes começam a ser suspensas em hospitais particulares

| 22/03/2021 07:07 h | Atualizado em 22/03/2021, 07:18

As cirurgias não urgentes, que podem ser realizadas em até três meses, começam a ser suspensas em hospitais particulares nesta segunda-feira (22). A portaria foi publicada no Diário Oficial do Estado desta segunda.

O anúncio da suspensão foi feito em entrevista coletiva do secretário de Estado da Saúde, Nésio Fernandes, no dia 12. Essas cirurgias, chamadas eletivas, já foram suspensas na rede pública em janeiro.

Segundo a portaria, “ficam excetuadas da suspensão prevista as cirurgias eletivas não-essenciais já agendadas nas próximas 72 horas”.

Leito de UTI:  médicos afirmam que podem ocorrer mais casos graves
Leito de UTI: médicos afirmam que podem ocorrer mais casos graves |  Foto: Hélio Filho - governo do Estado/ Divulgação

A medida foi tomada em função do agravamento da pandemia de Covid-19 no Espírito Santo e do crescimento da demanda por leitos em hospitais.

De acordo com dados da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), atualizados às 12h32 de domingo (21), a taxa de ocupação de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para pacientes com coronavírus está em 93,82%.

Já a ocupação de leitos de enfermaria para pacientes com a doença está em 76,22%.
 

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS