search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Coronavírus: hospital na Serra recebe contêineres para armazenamento de corpos

Notícias

Publicidade | Anuncie

Coronavírus

Coronavírus: hospital na Serra recebe contêineres para armazenamento de corpos


O Hospital Estadual Jayme Santos Neves, na Serra, instalou contêineres para alocar possíveis corpos de vítimas da Covid-19. E, depois disso, a Santa Casa de Misericórdia de Cachoeiro de Itapemirim, no Sul do Estado, é a outra instituição que, segundo fontes do governo, pode seguir o mesmo caminho.

Contêineres com ar condicionado foram colocados na área externa do Hospital Jayme Santos Neves, na Serra. (Foto: Rayssa Bringhenti)
Contêineres com ar condicionado foram colocados na área externa do Hospital Jayme Santos Neves, na Serra. (Foto: Rayssa Bringhenti)

Em comum, as duas unidades são referência em suas regiões para tratamento de Covid-19.
O critério vai partir dos tamanhos das chamadas morgues dos hospitais. A morgue é o local onde são colocados os cadáveres antes de serem enterrados ou incinerados. Em outras palavras, trata-se de um depósito de cadáveres.

Unidades com morgues pequenos deverão receber os contêineres. A Santa Casa de Cachoeiro de Itapemirim se encaixa, segundo fontes palacianas, nesse quesito.

A reportagem apurou que a sugestão inicial das autoridades de saúde do Estado era a utilização de caminhões, o que não acabou sendo seguido.

No caso do Jayme, a direção explicou por nota que, para atender à legislação, dois contêineres serão usados para armazenar e conservar corpos de vítimas da Covid-19, seguindo o manual do Ministério da Saúde “Manejo de Corpos no contexto do novo coronavírus Covid-19”, datado de 25/03/2020.

Contêineres instalados no Hospital Jayme Santos Neves. (Foto: Alex Nepomuceno)
Contêineres instalados no Hospital Jayme Santos Neves. (Foto: Alex Nepomuceno)
A Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) informou que outros contêineres também estão sendo preparados para estocar materiais de almoxarifado, uma vez que o hospital não tem espaço suficiente para garantir a disponibilidade de materiais, nesse período de pandemia.

Isolamento

A Santa Casa de Misericórdia de Cachoeiro de Itapemirim isolou uma enfermaria só para atender casos de Covid-19.

Segundo a instituição, o hospital possui 14 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para atender casos graves e outras 15 vagas na enfermaria isolada.

De acordo com o hospital, há pacientes internados nessa ala. Ontem, o secretário de Saúde de Iconha, Fabriciano Muniz Mongin, informou que dois moradores da sua cidade deram entrada no hospital de Cachoeiro em estado grave e foram internados na UTI.

De acordo com Fabriciano, os dois pacientes nem chegaram a passar por um posto de saúde, procurando diretamente a Santa Casa. “Solicitamos a todos que façam isolamento, evitem ficar nas ruas, evitem aglomerações. Pedimos fiquem em casa”, destacou.

O hospital não confirmou os casos de Iconha.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados