search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Corinthians não quer fazer teste de Covid-19 antes de enfrentar o Palmeiras

Esportes

Publicidade | Anuncie

Esportes

Corinthians não quer fazer teste de Covid-19 antes de enfrentar o Palmeiras


Andrés Sanchez, presidente do Corinthians (Foto: Reprodução/ Instagram @andressanchez_oficial)
Andrés Sanchez, presidente do Corinthians (Foto: Reprodução/ Instagram @andressanchez_oficial)
O Corinthians avisou nesta segunda-feira (3) que não quer submeter seus jogadores a novos testes de Covid-19 antes das finais do Campeonato Paulista, com jogos marcados para quarta (5) e sábado (8), contra o Palmeiras.

O pedido foi feito por Andrés Sanchez em reunião entre os clubes e a FPF (Federação Paulista de Futebol) a dois dias do primeiro confronto.

A reportagem confirmou a informação com fontes dos dois times. A justificativa corintiana é que os jogadores estão concentrados o tempo inteiro desde o retorno do futebol e que não há a necessidade de novos testes, de acordo com o protocolo.

Por outro lado, os palmeirenses têm sido liberados de suas concentrações e, por isso, fazem mais testes. Pelo protocolo, os atletas do clube alviverde deveriam ficar concentrados, como diz o texto do documento da FPF.

A entidade ainda não especifica a frequência necessária de testes e só usa o termo "previamente testados" para os atletas.

"O protocolo prevê que todos os 16 clubes fiquem concentrados em locais previamente definidos e preparados durante todo período de jogos da competição. Isso permite maior controle das variáveis por serem grupos fechados e previamente testados, sob maior supervisão."

O time do Palestra Itália se posicionou contra o pedido de Andrés. A FPF ficou de emitir uma resposta definitiva em breve, após consultar o médico Moisés Cohen. Haverá uma nova roda de conversas entre os departamentos médicos dos dois clubes.

Recentemente, o Hospital Albert Eistein, em São Paulo, errou em 26 testes de pessoas do Red Bull Bragantino na véspera do jogo contra o Corinthians pelas quartas de final.

Até este domingo (2), o Brasil registrava 94.130 pessoas mortes pela Covid-19, com 2.733.622 casos, segundo levantamento realizado por Folha de S. Paulo, UOL, O Estado de S. Paulo, Extra, O Globo e G1.

Entrar no grupo do WhatsApp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna Online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados