search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Copa Rubão
Gilmar Ferreira
Gilmar Ferreira

Gilmar Ferreira


Copa Rubão

Há poucos dias optei por deixar os exercícios no deserto do playground do edifício em que vivo, a um quilômetro do Maracanã, para arriscar uma caminhada mais forte ao redor do estádio. Foram três, em dias alternados. De máscara, em horários pouco concorridos. De máscara protetora, é claro, o que afetou sensivelmente meu rendimento. Ainda assim, empolgado, perguntei a meu cardiologista, se eu poderia abrir mão do equipamento de segurança.

“Não recomendo. Principalmente naquela pista. Há exaustores no hospital de campanha e são consideráveis as chances de o vírus estar pelo ar. Melhor seria trocar o local dos exercícios.”

Deixei o consultório de cara murcha, evidente, mas o que logo me veio à cabeça foi a indagação ao que poderia ter levado o prefeito do Rio, Marcelo Crivella, a publicar em Diário Oficial a liberação para jogos com público no estádio, no próximo dia 10.

Possibilidade

E não pensem vocês que o remendo anunciado ontem em discurso “nonsense”, dando conta de que se tratava apenas de uma possibilidade, mexeu com minha inquietude.

Porque ficou claro para mim, no olhar de um médico que me atende há 20 anos, que o Maracanã não é, neste momento, uma praça de esportes segura. E diria, com um pouco de empatia, que, por ora, não deveria ser sequer uma praça esportiva.

Mas é neste Maracanã que o Flamengo enfrenta o Boavista esta noite para dar mais um passo na direção do bicampeonato carioca.

Será o 13º duelo do time de Jorge Jesus contra um clube do estado do Rio — já foram 12 vitórias e um empate. E, em caso de nova vitória, a “máquina de triturar adversários” estará a dois jogos de conquistar seu terceiro título em 2020. E, desta vez, muito provavelmente, sem a necessidade das tradicionais finalíssimas.

Menos mal
Paulo Autuori ficará à beira do campo na outra partida desta noite, entre Botafogo e Portuguesa, no Luso Brasileiro, na Ilha do Governador.

Não deixa de ser uma bela atração para a “Copa Rubão”, o torneio mequetrefe cujo troféu deveria ser entregue ao campeão alcaide sem noção...

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora
esqueceu a senha?

últimas dessa coluna


Exclusivo
Gilmar Ferreira

Ensina, Jesus...

A entrevista que Jorge Jesus concedeu à Benfica TV na última sexta-feira, dia 8, é daquelas que os verdadeiros amantes do futebol deveriam assistir mais de uma vez. Tipo de trabalho que os responsáve…


Exclusivo
Gilmar Ferreira

Minhas impressões

Que esta edição do Brasileiro será diferente de tudo que vimos até então, já não restavam dúvidas: do clima no país das 100 mil vidas perdidas para a Covid-19 ao ambiente artificial nos estádios …


Exclusivo
Gilmar Ferreira

Perigosa ilusão

O Brasileirão que inicia neste final de semana nos obriga a uma importante reflexão. E a demissão do técnico italiano Maurizio Sarri, de 61 anos, anunciada ontem, após a eliminação da Juventus nas …


Exclusivo
Gilmar Ferreira

Outros quinhentos...

Existe interessante discussão entre torcedores e jornalistas sobre até que ponto a falta de público nos estádios influenciará no desempenho técnico dos times. A nova realidade imposta pela pandemia …


Exclusivo
Gilmar Ferreira

A peça que falta...

O marfinense Salomon Kalou, que completa 35 anos nesta quarta-feira, ainda está no aguardo do visto europeu para confirmar sua chegada ao Rio de Janeiro na próxima sexta-feira. É o tal Schengen …


Exclusivo
Gilmar Ferreira

O sofrimento bate à porta

A uma semana da abertura do Brasileiro, tentando ainda entender a economia do futebol no novo mundo, os principais clubes das Séries A e B começam a sentir o impacto dos meses sem futebol no segundo …


Exclusivo
Gilmar Ferreira

A aposta da vez...

O Flamengo está mesmo em vias de acertar com o treinador Domènec Torrent, de 58 anos, que fez carreira ao lado do vitorioso Pep Guardiola, auxiliando-o no Barcelona, no Bayern Munique e no Manchester …


Exclusivo
Gilmar Ferreira

Minhas impressões

O o enredo visto no Rio se repete em São Paulo e em Minas, no Sul do país e no Nordeste: bola rolando fora de hora, times com baixa competitividade e jogos pouco atrativos. Como já andei …


Exclusivo
Gilmar Ferreira

O atraso...

A duas semanas da estreia do time no Campeonato Brasileiro, o Vasco deu folga aos jogadores no sábado e no domingo – isso depois de mais de cem dias de inatividade no campo. Segunda (27), os …


Exclusivo
Gilmar Ferreira

Carli, Yony e Kalou...

O Vasco tem problemas no caixa, a exemplo da maioria dos grandes clubes brasileiros – e os últimos acontecimentos no Santos e no Corinthians mostram que o momento não está fácil para ninguém. Mas a …


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados