search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Confira as 30 escolas com as melhores notas no Enem

Notícias

Publicidade | Anuncie

Educação

Confira as 30 escolas com as melhores notas no Enem


Diretor e coordenadores do Leonardo da Vinci: 1º lugar geral no Estado (Foto: Fábio Nunes/ AT)
Diretor e coordenadores do Leonardo da Vinci: 1º lugar geral no Estado (Foto: Fábio Nunes/ AT)
O desempenho por escola no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), em 2019, foi divulgado após os microdados da prova serem liberados pelo Ministério da Educação (MEC) e tabulados pela startup Evolucional.

No Estado, segundo os dados divulgados, há 30 escolas com as melhores notas no Enem, considerando as notas das quatro provas e da Redação na média geral.

Entre as escolas com melhores notas estão: Centro Educacional Leonardo da Vinci, Colégio Sagrado Coração de Maria, Escola São Domingos, todas em Vitória; Centro Educacional Charles Darwin, Instituto Federal do Espírito Santo (Ifes), ambos em Vila Velha. As cinco escolas estão entre as 110 melhores do País.

Fazem parte do levantamento 19.598 escolas em todo País, entre privadas, federais, estaduais e algumas municipais. A lista inclui apenas as notas de alunos que estavam cursando ou concluindo o ensino médio em 2019 e que não zeraram nenhuma das provas objetivas nem a Redação.

 (Foto: Reprodução/ Jornal A Tribuna)
(Foto: Reprodução/ Jornal A Tribuna)
Vinícius Freaza, diretor de Inovação Pedagógica da Evolucional, explicou que os critérios de avaliação são os mesmos utilizados pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) até 2016, ano que a instituição parou de fazer o levantamento para evitar “rótulos” entre as escolas.

“Nosso trabalho é tornar as informações claras. Os dados são matéria-prima para que as escolas possam fazer ações pedagógicas de melhoria”, destacou Freaza.

Ao lado dos coordenadores pedagógicos Alexandre Zanotelli, Valéria Merçon, Cristiano Carvalho e Telma Berno, o diretor pedagógico Mário Broetto comemorou o bom resultado do Centro Educacional Leonardo Da Vinci. A escola ficou em primeiro lugar geral no Estado e em 17º lugar geral no País.

“Focamos no desenvolvimento de habilidades e de competências para tornar o nosso aluno um cidadão do mundo, capaz de entender o seu entorno e desvendar fenômenos sociais, artísticos, históricos, naturais e tecnológicos com olhar crítico e suporte científico”.

Em segundo lugar geral no Estado ficou o Colégio Sagrado Coração de Maria de Vitória, ocupando a 39ª posição nacional.

“Vemos esse resultado como reconhecimento de todo o trabalho que desenvolvemos desde a educação infantil”, afirmou a diretora-geral, Regina Coeli.

Medicina

O estudante André Luís Obermüller, 18 anos (Foto: Kadidja Fernandes/ AT)
O estudante André Luís Obermüller, 18 anos (Foto: Kadidja Fernandes/ AT)
Preparação
O estudante André Luís Obermüller, 18 anos, fez o Enem ano passado e garantiu nota 960 na Redação. Ele afirmou que teve uma preparação intensa, no Colégio Sagrado Coração de Maria, para o exame.

“Todas as disciplinas foram bem aplicadas. Consegui aprovação em uma universidade federal, no interior de São Paulo, mas decidi por Medicina na Emescam”.

Atuação do colégio público

As escolas estaduais tiveram desempenho abaixo das escolas privadas e federais, no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), em 2019, segundo dados divulgados pela startup Evolucional.

Ocupando a melhor posição entre as escolas estaduais, na 2.687º nacional, ficou a EEEFM José Pinto Coelho, em Santa Teresa, com média geral 593.83.

Na Grande Vitória, o destaque foi a EEEM Prof. Renato José da Costa Pacheco, em Vitória, com média geral de 556.46, ficando na posição 4.410º no País.

 (Foto: Reprodução/ Jornal A Tribuna)
(Foto: Reprodução/ Jornal A Tribuna)
De acordo com a Secretaria da Educação (Sedu) do Estado, os alunos estão sendo apoiados, por meio da Gerência de Ensino Médio, com novos conteúdos de apoio e preparação para o Enem 2020.

“Desta vez, estão sendo disponibilizadas, dentro do Programa EscoLAR, dicas de redação, que podem ser acessadas pelo link https://sedu.es.gov.br/escolar”, informou a nota.

A gerente de Ensino Médio da Secretaria, Rosangela Vargas, explicou que os cadernos digitais, como são chamados, consistem em matrizes de referência dos conteúdos que cairão na prova do Enem e serão divulgados quinzenalmente pela secretaria.

“Essa ação faz parte da nossa política de preparação do aluno para o Enem. Estamos nos adaptando à nova realidade e garantindo, assim, o suporte e a orientação necessária aos estudantes”, afirmou Rosangela.

Além dos cadernos digitais, segundo a Sedu, também estão sendo disponibilizadas videoaulas de Redação do Programa Hora do Enem, que é transmitido pelo Ministério da Educação (MEC).

Entrar no grupo do WhatsApp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna Online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados