search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Como grande, PSL vive dissidência de nanico
Coluna do Estadão

Andreza Matais e Marcelo de Moraes


Como grande, PSL vive dissidência de nanico

Em sua primeira eleição na condição de partido grande, o PSL enfrenta defecções em algumas capitais importantes típicas dos nanicos e que podem ampliar o tumulto interno da legenda.

No Rio, parlamentares bolsonaristas já estão na campanha de Marcelo Crivella (Republicanos), em detrimento de Luiz Lima. Luciano Bivar, presidente do PSL, minimiza as “traições”, mas admite tratar-se de “um desconforto para o partido”. Ainda assim, disse acreditar que, no balanço final, as cizânias serão inferiores aos bons resultados das urnas para o PSL.

Pif. Destinatário de R$ 199 milhões do fundo eleitoral, o PSL não tem nome despontando nas capitais.

Tem de pedalar. Em São Paulo, o fraco desempenho de Joice Hasselmann nas pesquisas desmotiva o PSL e provoca defecções.

Calma I. Mesmo com as dissidências, Bivar contemporiza. “Quem está fazendo isso não está sendo um bom companheiro partidário, mas o voto é secreto, podem mudar de opinião lá na frente”, afirmou ele.

Calma II. Ainda não há qualquer previsão de punição aos “infiéis” do PSL.

Atenção I. Marcelo Crivella está procurando os ministros do Superior Tribunal de Justiça (STJ) para despachar pessoalmente sobre a votação de amanhã que decidirá se mantém ou não a encampação da Linha Amarela pela Prefeitura do Rio.

Atenção II. Se a decisão for desfavorável à Lamsa, concessionária responsável pela administração da via expressa, criará precedente perigoso para concessões de todo o Brasil: segurança jurídica e respeito aos contratos são fatores primordiais para o setor privado.

Rádio... Em live da Fecomercio-SP com a Brazilian Student Association (Brasa), a ministra Cármen Lúcia, do Supremo, foi questionada sobre como a opinião pública interfere nos julgamentos da Corte.

…táxi. “Canso de entrar em táxi e o taxista comentar: não gostei daquela decisão sua, naquele caso tal ou qual. Faz parte. Isso não altera na hora do julgamento, porque o voto é pensado, posto e exposto de forma motivada”, disse ela.

Revolta da... Presidente do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass), Carlos Lula, chamou de “surreal” e “sem sentido” a discussão sobre obrigatoriedade da vacina contra o coronavírus.

...vacina. Disse Lula: “A gente não pode regredir no debate em um século e passar a ter uma noção de liberdade equivocada e rasteira. O pior, porém, é o presidente ter sancionado uma lei no início deste ano prevendo que, mais do que obrigatória, a vacina poderia ser até compulsória. Ele não leu a sua própria lei?”

Panos quentes. O presidente do Conselho Federal de Medicina (CFM), Mauro Luiz de Britto Ribeiro, evitou tomar partido: “Mais uma vez o debate está completamente politizado, assim como foi com a cloroquina. A questão está antecipada, nem tem vacina ainda”, afirmou. O conselho já se alinhou a Jair Bolsonaro em episódio recentes.

Voltando. O Ministério Público Federal e o Ministério da Justiça conseguiram repatriar cerca de R$ 25,3 milhões da Operação Lava a Jato. O dinheiro estava guardado na Suíça.

CLICK. João Doria visitou a Caverna do Diabo, no Vale do Ribeira, onde esteve no fim de semana e anunciou R$ 100 milhões em investimentos para a região.

Pronto, falei!

"O País vive um impasse: a economia sem tração, o desemprego aumentando e os líderes políticos esperando o fim das eleições, ou alguma solução mágica”

Paulo Hartung, economista e ex-governador do ES

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora
esqueceu a senha?

últimas dessa coluna


Exclusivo
Coluna do Estadão

Combate à pandemia em segundo plano na eleição?

Na reta final das eleições municipais e em meio à pandemia, está claro para políticos e analistas: avaliar o desempenho dos prefeitos no combate à Covid-19 não parece ter sido prioridade para os …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Primos na luta pelo voto conservador no Recife

Na única disputa de segundo turno com candidatos declaradamente de centro-esquerda, analistas e políticos se esforçam para entender a “virada” de Marília Arraes sobre João Campos. O mais …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Tensão nos bastidores cresce em Porto Alegre

Integrantes das linhas de frente das campanhas de Sebastião Melo (MDB) e Manuela D'Ávila (PCdoB) acreditam que o brutal assassinato de um homem negro num supermercado de Porto Alegre deve acabar …


Exclusivo
Coluna do Estadão

O plano do ministério? Distribuir cloroquina

Em resposta a pedido de informação sobre quais ações serão adotadas diante da cada vez mais provável segunda onda da Covid-19 no País, o Ministério da Saúde afirmou apenas que, se não houver mudança …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Esquerda nacionaliza disputas em capitais

A esquerda nacionalizou o segundo turno em Porto Alegre e Fortaleza em busca de uma frente contra Jair Bolsonaro. Na capital do Ceará, José Sarto (PDT) angariou apoio do Psol, PCdoB e PT. A …


Exclusivo
Coluna do Estadão

“Sucessão” de Doria faz ferver o Bandeirantes

Antes mesmo de terminadas as eleições municipais, as costuras políticas que têm no horizonte a disputa pelo governo de São Paulo se intensificaram nos principais partidos, seja porque os dois …


Exclusivo
Coluna do Estadão

PSDB entre o paraíso e o precipício na capital

A disputa em São Paulo ganhou contornos dramáticos para o PSDB nacional: é a única chance de vitória dos outrora muito poderosos tucanos nos 15 maiores colégios eleitorais do País. Há ainda uma …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Atraso do TSE alimenta conspiração e intrigas

Os problemas na contabilização dos votos nas eleições municipais ocorreram em má hora, avaliam ministros do STF do TSE Seja porque alimentam desvairadas teorias conspiratórias, seja porque as …


Exclusivo
Coluna do Estadão

A pandemia e o abuso do poder econômico

A pandemia teve impacto não apenas sanitário nestas eleições municipais, mas também de ordem econômica: candidatos viram no desemprego e da vulnerabilidade social janela de oportunidade para angariar …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Senado já debate nome de militar para a Anvisa

Apesar das fortes críticas e muitas ressalvas à indicação do tenente-coronel Jorge Kormann para a direção da Anvisa, o líder do governo no Senado, Fernando Bezerra (MDB-PE), avalia que ainda é cedo …


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados