Login

Imagem ilustrativa da capa de fundo do colunista

Tribuna Livre

Imagem do colunista

Arquitetura a serviço da saúde e do bem-estar de todos

28/01/2021 09:48:27 min. de leitura

Aarquitetura sempre teve grande importância em nossa vida. Usufruímos do trabalho dos arquitetos diariamente, pois habitamos em espaços desenhados, circulamos por vias projetadas, trabalhamos e estudamos em locais planejados, nos curamos em complexos hospitais pensados por esses profissionais, reforçamos nossa fé em templos religiosos e nos divertimos em praças ou calçadões públicos urbanizados.

Nas pandemias que assolaram a história da humanidade, o trabalho dos arquitetos ganhou evidência. Na Idade Média, a Peste Bubônica transformou as moradias, que, após a tragédia, passaram a ser mais iluminadas e ventiladas. Durante a Gripe Espanhola, no século passado, o caminho foi repensar novamente as moradias com ênfase em higienização dos ambientes.
Em nosso tempo, novamente os arquitetos são chamados ao campo de batalha, pois, nesta nova pandemia, muitas pessoas estão ficando mais tempo em suas moradias. Famílias inteiras estão interagindo, habitando, trabalhando e se divertindo em casa.

Os arquitetos entram em prática para multiplicar os espaços e torná-los agradáveis, repensando com as famílias todas as funções dos ambientes.

A varanda que servia de depósito de brinquedos ou varal se integra agora à sala, virando uma simpática área de descompressão, com espaço gourmet, horta e plantas que trazem sabor, aroma e frescor para a casa.

A cozinha está junta e misturada com a sala, fazendo do tradicional cafezinho um evento social. No hall de entrada, um espaço de higienização tornou-se obrigatório no lar, onde retirar o calçado e higienizar as mãos é um simpático e respeitoso gesto ao entrar.

Também são tendências de saúde física e mental ambientes mais ventilados e iluminados por janelas maiores, descortinando a vista para o exterior das edificações e conectando o verde do exterior com o do interior. A ideia é espantar o confinamento dos espaços refrigerados em que vivemos nas últimas décadas, seja no local de trabalho, seja nas escolas, seja em casa.

Precisamos aprofundar as transformações arquitetônicas e urbanas de nossas cidades e levar para as periferias todo esse conhecimento que temos para melhorar a qualidade das edificações dos menos favorecidos, através de programas institucionais e governamentais.

A arquitetura criativa e funcional é um direito de todos. Lutamos para que todas as pessoas, ricas ou pobres, de todas as idades, cores e classes sociais, tenham acesso a espaços planejados e saudáveis para morar, circular, trabalhar e se divertir, e que esses espaços sejam criados por profissionais habilitados pelo Conselho de Arquitetura e Urbanismo, fazendo valer nosso slogan preferido, mais atual do que nunca: “construa certo, contrate um arquiteto”.

Mesmo com as incertezas da pandemia, olhando com esperança por cima das incômodas e necessárias máscaras, de uma coisa a sociedade sempre terá certeza, que é contar com arquitetas e arquitetos preparados para trazer qualidade de vida para o dia a dia.

Heliomar Venâncio é presidente do Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Espírito Santo.